Aguarde...

ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Campinas pode ter comedouros e bebedores nas ruas

Projeto de Lei começou a tramitar na quarta-feira (13) na Câmara de Campinas; ideia é fazer parcerias para alimentar animais de rua

| ACidadeON Campinas

Casinhas, comedouros e bebedouros públicos podem ser realidade em Campinas se PL que tramita na Câmara for aprovado. (Foto: Pixabay) 

Casinhas, comedouros e bebedouros públicos para animais que moram nas ruas podem ser tornar realidade em Campinas se um PL (Projeto de Lei) que começou a tramitar nesta quarta-feira (13) na Câmara for aprovado.

A proposta, do vereador Carmo Luiz (PSC), quer criar equipamentos públicos para os cães e gatos que circulam nas ruas. Ainda não há previsão de quando o projeto será votado pelos vereadores. Depois disso, ele ainda deve ser sancionado pelo prefeito Jonas Donizette (PSB).

A ideia é que a construção seja realizada por alunos de escolas públicas, por detentos em presídios ou jovens em instituições de recuperação. O custo do material seria pago por voluntários e entidades da cidade, ou pelo Departamento de Bem Estar Animal que também pode fechar parcerias. Os convênios são necessários porque um projeto de lei elaborado por vereador não pode gerar custos ao governo municipal.

A ração também poderia ser arrecadada, prevê o projeto. Quem danificar a casinha, os comedouros ou bebedouros dos animaizinhos pode receber multa de até R$ 1,75 mil (500 Ufics - Unidade Fiscal de Campinas), revertidas para a causa animal.

Se a pessoa não puder pagar, ela terá que ser voluntária na construção de novos bebedouros, comedouros e dormitórios. Ou, higienizar os que já existem.

TUTOR

O vereador quer ainda que os moradores de Campinas possam ser "tutores" dos pontos de alimentação, feitos de canos de PVC adaptados para comida e água. A ideia é repor a água e a comida todo dia, para evitar contaminação.

"Tem muita gente que tem animais e não consegue cuidar deles. Essa ideia veio de um estudante e também protetor de animais. Ele viu isso em outra cidade e resolvemos adotar para Campinas", disse o vereador Carmo Luiz. Projetos parecidos tramitam nas cidades de Caruaru, em Pernambuco, e em Caraguatatuba, litoral Norte de São Paulo.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Veja também