Aguarde...

ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Justiça adia depoimentos de réus do Caso Ouro Verde

Ambos chegaram a ser presos em março do ano passado, mas em novembro eles e outros quatro alvos foram soltos

| ACidadeON Campinas

Anésio foi preso na segunda fase da Operação Ouro Verde (Foto: Denny Cesare/Código19) 

Os depoimentos do ex-diretor do Departamento de Contas na Saúde, Anésio Corat Júnior, e do ex-servidor municipal Ramon Luciano da Silva, foram adiados para abril. A publicação foi feita pelo juiz da 4ª Vara Criminal de Campinas, Caio Ventosa Chaves.

De acordo com a assessoria de imprensa do TJ-SP (Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo), o motivo do cancelamento da audiência é porque os réus moram em outros municípios e precisam ser intimados via carta precatória, o que demanda maior tempo. Os depoimentos estavam marcados para esta terça-feira (12).

Ambos chegaram a ser presos em março do ano passado, mas em novembro eles e outros quatro alvos da 2ª fase foram beneficiados por um habeas corpus.

Antonio Lopes da Silva Filho, advogado de Anésio, informou que o cliente está à disposição da Justiça e, quando for interrogado, prestará esclarecimentos.

O advogado Bruno Felipe Bachelli, defensor de Ramon, explicou que a audiência foi redesignada para que algumas provas fossem juntadas ao processo.

Mais do ACidade ON