Aguarde...

ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Instituto faz plantão de manutenção de taxímetros

Os plantões são voltados para profissionais que precisam validar o instrumento após mudança de veículo, troca ou reparo

| ACidadeON

A ação é voltada para taxistas que precisam validar o taxímetro após mudança de veículo, troca ou reparo (Foto: Weben Sian/ACidade)

O Ipen-SP (Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo) realiza um plantão de manutenção de taxímetros nesta segunda-feira (18), em Campinas. A ação é voltada para os taxistas que precisam validar o instrumento após mudança de veículo, troca ou reparo. É preciso realizar um agendamento prévio para ser atendido.

O plantão terá início às 9h desta segunda-feira e ocorrerá  na Avenida Paulo Corrêa Viana, altura do número 528, no Bairro Parque Jandeiro, em Campinas.

Para receber atendimento, é necessário fazer o agendamento pelo site do Instituto e GRU (Guia de Recolhimento da União) para o pagamento da taxa de verificação. Sem o agendamento online e a taxa quitada, o atendimento não é realizado.

Na data da verificação, o taxista ou responsável pelo veículo deve apresentar os seguintes documentos:

- alvará de estacionamento fornecido pela prefeitura;
- certificado de propriedade do veículo;
- certificado de verificação do Ipem-SP, referente ao último exercício;
- GRU quitada;
- comprovante de endereço;

No caso dos plantões de regularização de taxímetro, somente os taxistas que precisam validar o instrumento após mudança de veículo, troca ou reparo do taxímetro devem comparecer. Os taxistas autuados por trafegar com o taxímetro irregular têm dez dias para apresentar defesa ao órgão.  

FIQUE DE OLHO

Para identificar se o taxímetro foi verificado pelo Ipem-SP, o consumidor deve observar a existência do lacre amarelo, que impede o acesso à regulagem do aparelho, e do selo do Inmetro (holográfico) com a frase "verificado até 2019". Caso o lacre esteja rompido, o consumidor não deve aceitar a corrida, pois o aparelho pode apresentar medição incorreta. 

Em alguns casos poderão ser encontrados com a etiqueta "verificado até 2018", pois, o instrumento pode ser que ainda não tenha sido verificado, devido o cronograma conforme o alvará.

O valor da bandeira é estabelecido pela prefeitura de cada município, mas é importante estar atento ao horário em que as bandeiras 'um' (das 6h às 20h) e a 'dois' (das 20h às 6h) podem ser utilizadas, para não pagar mais caro pela corrida.

O taxímetro deve ser ligado na frente, sempre, do passageiro. Não se deve aceitar corridas com valor combinado em táxis. E o passageiro deve observar a placa do veículo, pois, táxis não podem angariar passageiros em outros municípios onde estão registrados.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON