Aguarde...

ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Alpinista de Campinas chega a base do Monte Everest

A chegada marca o início da terceira fase do Projeto Everest 2019, quando Raineri intensifica o processo de aclimatação, subindo e descendo parte da montanha várias vezes para a adaptação do corpo à altitude

| ACidadeON Campinas

Alpinista pretende fazer um voo livre após subir ao pico do Monte Everest. (Foto: Divulgação) 
 
O alpinista de Campinas Rodrigo Raineri conclui a segunda etapa do Projeto Everest 2019 e agora está acampado na base do Monte Everest, no Nepal. Ele é o único brasileiro a ter escalado como guia as sete mais altas montanhas dos sete continentes e que também formou com Vitor Negrete a única dupla brasileira a ter escalado a temida face sul do Aconcágua (uma das escaladas mais difíceis do mundo).

O percurso de trekking durou dez dias e teve início na cidade de Lukla a 2.800m de altitude, passando por Namche Baazar, a 3.500m de altitude, até chegar a Lobuche, a 4950m de altitude.

A chegada do alpinista e seus companheiros de viagem, o médico e montanhista Mauro Chies e o cinegrafista Júlio Blander ao acampamento base do Monte Everest marca o início da terceira fase do Projeto Everest 2019, quando Raineri intensifica o processo de aclimatação, subindo e descendo parte da montanha várias vezes para a adaptação do corpo à altitude.

Raineri pretende escalar o Lobuche East, uma montanha de mais 6.000m antes de rumar ao Everest e fará também uma etapa de descanso numa área mais baixa com menor altitude antes da escalada final até o cume da montanha. Na quarta-fase do projeto, que é a etapa de maior expectativa, o alpinista fará o ataque ao cume do Everest e o voo solo inédito de parapente. E na quinta e última fase, Raineri encerra a expedição e retorna ao Brasil.

Para Rodrigo, o objetivo da expedição é encarar um desafio inédito em sua carreira: ao atingir o cume do Everest, o alpinista fará um voo solo de parapente do topo à base, um feito jamais realizado e registrado por outros alpinistas; além disso, Raineri está aproveitando esta oportunidade para divulgar e incentivar a prática da escalada esportiva, modalidade que será considerada um esporte olímpico nos jogos de Tóquio em 2020.


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON