Aguarde...

cotidiano

Homicídio é o mais alto dos últimos 3 anos em Campinas

Foram 16 casos em outubro, maior índice desde outubro de 2016; estupros e roubos de carga também cresceram

| ACidadeON Campinas

Polícia Militar atende caso de homicídio (Foto: Amanda Rocha/ACidade ON)

O número de casos de homicídio registrados em Campinas em outubro é o mais alto dos últimos três anos na cidade, segundo informações divulgadas nesta sexta-feira (29) pela SSP (Secretaria de Segurança Pública).

Foram 16 casos no mês passado. O mesmo número de outubro de 2016, justamente há três anos. De janeiro a outubro deste ano são 111 registros de homicídios - apenas um a mais que os 110 no mesmo período de 2018.

O balanço mostra ainda que outubro e janeiro foram os meses com o maior número de mortes violentas em 2019 no município.

Além dos homicídios, a Polícia Civil de Campinas também registrou aumento nas ocorrências de estupros e roubos de carga em outubro na comparação com o mesmo mês do ano passado. Os casos de roubos e furtos em geral caíram no período. 

No caso dos estupros, foram 27 casos no mês passado, alta de 50% na comparação com o mesmo mês de 2018, quando foram notificadas 18 ocorrências. Apesar da alta no mês, o acumulado dos primeiros dez meses registrou queda de 24,5% nesse tipo de ocorrência.

Em relação aos crimes contra o patrimônio, como roubos e furtos, os casos de roubos de cargas dispararam em Campinas em outubro. Foram 23 contra 8 do ano passado, uma alta de 187,5%.  O balanço da SSP aponta que os casos de roubos e furtos em geral, além de ocorrências com veículos caíram na cidade de um ano para o outro, tanto em outubro como no acumulado dos dez primeiros meses.  

Os dados completos podem ser obtidos clicando aqui.

Mais do ACidade ON