Aguarde...

ACidadeON

Voltar

cotidiano

Número de casos de dengue triplica em Campinas

Novos registros foram confirmados nesta segunda (10); número subiu de 34 para 110 em duas semanas

| ACidadeON Campinas

O mosquito transmissor da dengue, o Aedes aegypti (Foto: Pixabay)

O número de casos confirmados de dengue em Campinas subiu de 34 para 110, no período de 22 de janeiro a 7 de fevereiro. Um novo balanço divulgado nesta segunda-feira (10) indicou um aumento de 76 novos casos desde o último levantamento realizado mês passado.

De 34 registros, computados de 1 a 22 de janeiro, o número subiu para 110 - aumento de 223%. Isso significa que desde o dia 22 até o dia 7 de fevereiro, 76 casos suspeitos foram confirmados.

De acordo com a avaliação da equipe de Vigilância em Saúde, Campinas corre o risco de epidemia esse ano. Diante disso, a Secretaria de Saúde vem promovendo campanhas e estratégias a fim de controlar a proliferação do mosquito transmissor, o Aedes aegypti.

No começo do ano a Prefeitura passou a encaminhar mensagens por meio de redes sociais para moradores em áreas de alerta para aumentar a conscientização no combate ao Aedes. As mensagens são encaminhadas a cada 15 dias alertando sobre o risco da proliferação do mosquito.

Além disso, o departamento alega que realiza ações diárias em todas as regiões de Campinas para prevenção e combate à dengue. As atividades incluem controle de criadouros, nebulização em áreas de transmissão, orientações à população e recolhimento de lixos (cata-trecos).

De 1° de janeiro a 8 de fevereiro, foram recolhidos 505,42 toneladas de materiais deixados em pontos recorrentes e nas ruas da cidade

CAPACITAÇÃO

Na próxima segunda-feira (17) a Secretaria de Saúde promoverá um evento de capacitação de médicos e enfermeiros da rede pública e privada para o manejo clínico do paciente com dengue.

O evento será no Salão Vermelho do Paço Municipal em dois períodos: de manhã, às 8h30, e à tarde, às 13h30. São esperados 200 profissionais em cada período. Não é necessário fazer inscrição. A capacitação é promovida pelos Departamentos de Vigilância em Saúde (Devisa) e de Saúde (DS).

Mais do ACidade ON