Aguarde...

ACidadeON

Voltar

cotidiano

Bar onde jovem estava antes de ser morto é pichado: "assassinos"

Andrew Silva Jaroczinski, de 19 anos, morreu no domingo e a suspeita é que garçons e o dono do estabelecimento foram os agressores

| ACidadeON Campinas

Bar no Centro foi pichado na tarde desta segunda-feira após morte de jovem (Foto: Denny Cesare/Código19)

O bar Buteco Velho Casarão, onde Andrew Silva Jaroczinski, de 19 anos, estava antes de ser morto a facada na noite do último sábado (8) foi pichado no começo da tarde desta segunda-feira (10), em Campinas. O bar fica na Praça Bento Quirino, na Rua Sacramento, e teve a fachada pichada com a palavra "assassino".  

O jovem morreu, segundo a Polícia Civil, após um desentendimento seguido de agressão. A discussão teria ocorrido no estabelecimento comercial e a suspeita é que garçons e o dono do estabelecimento foram os agressores.  

Além de Andrew, outros dois jovens de 20 e 23 anos também foram feridos. Eles tiveram alta no domingo (9), segundo boletim de saúde divulgado pela Secretaria de Saúde de Campinas.  

Imagens gravadas por uma câmera de segurança em um prédio localizado na Rua José Paulino, no Centro de Campinas, flagraram o exato momento em que o telefonista foi espancado. Ele chegou a ser socorrido ao Hospital Municipal Mário Gatti, no domingo de madrugada, mas não resistiu aos ferimentos.  

 

Ele será enterrado às 9h30 no cemitério Parque dos Indaiás, em Indaiatuba. O local será o mesmo do velório. As investigações do caso estão sendo feitas pelo SHPP (Setor de Homicídios e Proteção à Pessoa de Campinas). A reportagem tentou contato com representantes do bar, mas ninguém foi localizado. 

LEIA MAIS
Câmera flagra agressão a jovem no Centro de Campinas
Jovem morre após briga em bar no Centro de Campinas
 

Jovem acabou morrendo em hospital. (Foto: Arquivo Pessoal)

Mais do ACidade ON