Aguarde...

cotidiano

Prefeitura de Campinas descarta caso suspeito de coronavírus

Um homem de 33 anos que retornou da China para Campinas no dia 10 de fevereiro não está contaminado

| ACidadeON Campinas

Vendas de máscara cresceu no mundo todo (Foto: Reuters/Eloisa Lopez) 

A Prefeitura de Campinas descartou um caso suspeito de coronavírus no município. Um homem de 33 anos que retornou da China para Campinas no dia 10 de fevereiro não está contaminado.

Outros três casos suspeitos foram registrados na RMC (Região Metropolitana de Campinas), mas todos foram descartados. Eram dois casos de Paulínia e um de Americana, que foram descartados no último dia 5, após o diagnóstico negativo de coronavírus realizado pelo Instituto Adolfo Lutz.

"A Prefeitura mantém estratégias para o controle e prevenção recomendadas pelo Ministério da Saúde e pela Organização Mundial de Saúde. Foi realizado, inclusive, treinamento sobre a doença para hospitais públicos e privados e multinacionais com profissionais que viajam frequentemente para a China", informou a nota da Secretaria de Saúde.

Até o momento, não há caso confirmado de coronavírus no Brasil. Os dados oficiais estão sendo registrados pelos municípios em um sistema de notificação do Ministério da Saúde.

ORIENTAÇÕES

A Saúde orienta o uso de máscaras, higienização das mãos e não compartilhamento de objetos de uso pessoal, bem como sobre os cuidados requeridos para os pacientes, que incluem hidratação e a permanência em casa, sem circulação por outros locais e evitando contato com familiares e amigos, por exemplo.

É fundamental procurar o serviço de saúde mais próximo se a pessoa apresentar sintomas como febre, dificuldade para respirar, tosse ou coriza, associados aos seguintes aspectos epidemiológicos: histórico de viagem em área com circulação do vírus, contato próximo caso suspeito ou confirmado laboratorialmente para coronavírus.

Mais do ACidade ON