Aguarde...

cotidiano

Campinas confirma 2º caso de Covid-19; aulas serão suspensas

Paciente é uma mulher de 48 anos internada em estado grave; prefeito anuncia série de medidas para tentar reduzir avanço do vírus

| ACidadeON Campinas

O prefeito Jonas Donizette (Foto: Luciano Claudino/Código 19) 

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB), confirmou na tarde desta segunda-feira (16) o segundo caso de Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus, na cidade. A paciente é uma mulher de 48 anos que estava na Europa e voltou ao Brasil no dia 8 de março.  

LEIA MAIS  
Covid-19: pacientes podem pedir atestado por telefone
Coronavírus: Unicamp prorroga suspensão até abril   
Com portões fechados, dérbi será o último jogo do Paulistão

Ela chegou a ficar em isolamento domiciliar, mas seu quadro piorou e ela foi internada nesta segunda-feira em estado grave na UTI do Hospital da PUC-Campinas. Seu quadro, no entanto, é considerado estável. Seu marido e seu filho são monitorados.

O primeiro caso confirmado de coronavírus em Campinas foi divulgado na última sexta-feira (13). A paciente é uma estudante da faculdade São Leopoldo Mandic que esteve na festa de casamento da irmã da blogueira Gabriela Pugliesi, na Bahia.

Além dos dois casos confirmados, Campinas investiga ainda 83 suspeitas de coronavírus.

Diante do quadro, o prefeito anunciou uma série de medidas para tentar reduzir o avanço do vírus em Campinas. As determinações vão durar por ao menos 30 dias.  "Nosso desafio é evitar a disseminação rápida na cidade. Tudo, por enquanto, vai durar um mês", afirmou Jonas.   


 
PREFEITURA E EQUIPAMENTOS PÚBLICOS
Cada secretaria e autarquia vai decidir sobre trabalho remoto (em casa) de seus servidores. Servidores e público devem evitar a entrada de mais de quatro pessoas por elevador. O acesso ao público será restrito no Paço Municipal. Só permitir se for estritamente necessário e autorizado pela secretaria procurada.

Trabalho do Porta Aberta e atendimento ao cidadão (Agiliza Campinas) será realizado de maneira remota. Se não for possível, agendar de forma a não haver mais de quatro pessoas por vez.  

EDUCAÇÃO
Escolas: todas as escolas, públicas e privadas, serão fechadas a partir da próxima segunda-feira (23). De hoje (16) até sexta-feira (20), quem puder não deve ir à escola. Quem estiver com sintomas de gripe, não deve ir de jeito nenhum. Não será computada falta. Os profissionais da rede municipal de educação vão trabalhar normalmente, dando orientações aos pais e atendendo aos alunos que forem à escola. Os alunos da EJA (educação de jovens e adultos) com mais de 60 anos de idade não devem ir à escola. As merendas serão servidas normalmente de hoje até sexta-feira, mas não na semana que vem.

SAÚDE
Ficam suspensas as cirurgias eletivas em hospitais municipais. Esses procedimentos não são de urgência e emergências. Fica recomendado o mesmo para a rede privada.  No caso da odontologia, haverá somente atendimento de urgência. A recomendação será dada à rede privada. Estão suspensas férias e licença-prêmio para todos os profissionais de saúde. As pessoas não precisarão mais ir ao Centro de Saúde para conseguir atestados médicos; a Prefeitura espera que a população use da boa fé. Além disso, o número 160 será exclusivo para atender as pessoas sobre o coronavírus. 

HABITAÇÃO  
A Cohab (Companhia de Habitação Popular) de Campinas também suspendeu os atendimentos presenciais e apenas os casos emergenciais serão atendidos somente mediante agendamento prévio. Os funcionários com mais de 60 anos de idade ou ou que possuírem alguma doença crônica e que se configuram como grupo de risco farão home office. Mais informações sobre o atendimento diário podem ser obtidas pelo telefone (19) 3119-9500.

COMÉRCIO E INDÚSTRIA
A recomendação é para alterar o horário de funcionamento para evitar aglomeração no transporte público. Não está descartado usar de autoridade sanitária para fechar comércio, mas por enquanto a medida é apenas uma recomendação. 

CULTURA
Fica determinado o fechamento de locais públicos, como teatro, exposições, etc. Fica recomendado o mesmo para a área privada, incluindo cinemas. 

ASSISTÊNCIA SOCIAL
Os serviços de convivência de idosos serão suspensos a partir de 23 de março. Os serviços que atendem crianças e adolescentes vão permanecer abertos, mas, quem puder, a Prefeitura pede para não ir. Os locais de atendimento à população de rua continuam funcionando.

INICIATIVA PRIVADA
Trabalho em casa para as funções em que for possível. Considerar a implantação de horas de trabalho escalonadas para reduzir aglomerações dentro da empresa e no transporte público. Mandar para isolamento domiciliar qualquer funcionário com sintomas respiratórios por 14 dias. Evitar viagens de avião ou ônibus.

Mais do ACidade ON