Aguarde...

cotidiano

Quinta-feira será de sol e calor; tempo muda no final de semana

Uma nova frente fria vai conseguir romper o bloqueio do ar seco e poderá chover no domingo

| ACidadeON Campinas

Clima seco em Campinas na região do Campo Belo. (Foto: Luciano Claudino/Código 19)
 

A quinta-feira (13) amanheceu com céu azul e sol desde cedo. Por volta das 7h a temperatura medida pelo Cepagri (Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura), da Unicamp, foi de 19ºC. Ao longo do dia a temperatura sobe e hoje deve atingir os 31ºC - a mais alta do mês de agosto.

MUDANÇA NO TEMPO

O bloqueio atmosférico que ganhou força sobre o Sudeste do país e que tem deixado o ar cada vez mais seco está com os dias contados. Os modelos de previsão indicam uma mudança no padrão do tempo a partir do próximo fim de semana que marca a virada para a segunda quinzena do mês.

De acordo com os meteorologistas da Climatempo, uma nova frente fria vai conseguir romper o bloqueio do ar seco. Neste sábado, 15, o tempo começa a mudar. A frente fria se aproxima e deixa o tempo instável com chuva a qualquer hora do dia mas em algumas regiões.

É a partir de domingo, dia 16, que o tempo vira de vez sobre a maioria das áreas do estado de São Paulo com o avanço dessa primeira frente fria pós-bloqueio. As áreas de instabilidade desta frente fria se espalham e a chuva fica mais generalizada.

Este sistema vem acompanhada de uma massa de ar de origem polar que derruba a temperatura. Segundo, a Climatempo, o frio vai persistir pelo menos até a próxima segunda-feira.

Estimativa para a segunda quinzena

Nessa próxima quinzena, duas frentes frias fortes vão passar por São Paulo, trazendo alerta de chuva e ventos fortes, prevê a meteorologista Aline Tochio.

A primeira agora no dia 16 e outra por volta do dia 20. Além das frentes frias, toda a circulação de ventos entre a baixa e média atmosfera estará concentrada sobre São Paulo, mantendo altas as condições de chuva, mesmo que não tenha frente fria atuando. Por isso, a segunda quinzena de agosto será totalmente diferente da primeira, informa a meteorologista.

O destaque será muita chuva para os padrões de agosto e duas fortes massas polares que irão acompanhar os sistemas durante sua passagem.

Mais do ACidade ON