Aguarde...

cotidiano

Campinas deve continuar sem chuva ao menos até o dia 23

Inmet prevê chegada de duas frentes frias junto com o início da Primavera; próximos dias devem ter recorde de calor

| ACidadeON Campinas

Por-do-sol visto da região do Parque Oziel, em Campinas (Foto: Luciano Claudino/Código 19)

Campinas deve permanecer sem chuva pelo menos até o próximo dia 23, de acordo com o CPTEC (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos) do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais).

A partir do dia 20, a passagem de duas frentes frias deve conseguir provocar alguma chuva em áreas da região leste do estado. A primeira frente fria deve avançar sobre a costa do Sudeste no dia 23, um dia após início da Primavera, que começa oficialmente em 22 de setembro, às 10h31. O segundo sistema está previsto para passar pela região próximo ao dia 28.

A região já sofre com o calor intenso e a baixa umidade do ar, reflexos da presença de uma forte massa de ar seco, desde a semana passada. Na última quarta-feira (9), a Defesa Civil emitiu um alerta de calor intenso para o fim de semana na região, com temperaturas que podem atingir os 40°C e umidade do ar abaixo de 15%.

Na quinta (10), a cidade registrou a temperatura mais quente do ano, com 35°C às 15h20 segundo o Cepagri, da Unicamp. A previsão é que a marca seja superada nos próximos dias.

A região de Campinas já está há 21 dias sem chuvas - a última precipitação registrada foi no dia 21 de agosto, com 7,1 milímetros.

Para esse cenário de seca e sem previsão de chuva, alguns cuidados devem ser tomados, tais como tomar 2 litros de água por dia, modificar o ambiente com umidificadores, toalha molhada, bacias com água, e evitar atividades físicas entre as 11h e 15h.

Mais do ACidade ON