Aguarde...

cotidiano

Parte de encosta desmorona e deixa bairros sem água

O problema ocorreu na Rua Aparecida Cândida da Silva

| ACidadeON Campinas

 

Local onde o problema ocorreu. (Foto: Reprodução EPTV)

Parte de uma encosta desmoronou na noite de ontem (11) no bairro Princesa d´Oeste, em Campinas, e interditou duas casas que ficam bem próximas ao local onde o problema ocorreu. Na área está acontecendo uma obra da Prefeitura para estruturar uma rua que será construída.  

O problema ocorreu na Rua Aparecida Cândida da Silva. Segundo um dos funcionários que trabalha na obra, houve um vazamento em um cano e isso fez toda a parte da encosta ceder. No local, há cerca de dois metros de profundidade no buraco formado pelo desmoronamento. A parte cedida do terreno termina bem próximo aos muros de duas casas que foram interditadas pela Defesa Civil.

Segundo a Prefeitura, por causa do acidente o fornecimento de água está interrompido para os bairros Cidade Satélite Íris e Núcleo Residencial Princesa DOeste. Uma empreiteira da Prefeitura está no local executando um aterro, para que a Sanasa posteriormente possa fazer o reparo na rede. A previsão é que o abastecimento seja normalizado a partir das 19h. em relação à moradia, não há risco para a família.  

Segundo a filha do morador da casa atingida Alessandra da Silva Neves o problema aconteceu por volta das 20h de ontem. "Meu pai me ligou desesperado porque estava caindo o terreno. O barranco caiu três vezes no local. Eles estavam dentro de casa e não sabiam se salvavam as coisas ou se saiam. Nisso liguei para a Defesa e eles vieram até o local e falaram que no momento não havia risco de desabar. Porém, dentro da casa, está cheio de rachaduras", afirmou.  

Por meio de nota a Secretaria de Habitação informou que técnicos da pasta estiveram no local para fazer uma avaliação e interditou duas casas próximas ao barranco. No local ainda está ocorrendo um reparo emergencial, devido a uma rede de água de seis polegadas rompida. Ainda segundo a nota, não é possível identificar a real causa do incidente que provocou um afundamento no asfalto. Os registros de água foram fechados às 23h de ontem. (Com informações da EPTV)

Mais do ACidade ON