Aguarde...

cotidiano

Câmara aprova em 1ª discussão orçamento de R$ 6,4 bilhões para 2021

Proposta seguirá para 2ª discussão, e durante período os vereadores podem apresentar emendas

| ACidadeON Campinas

Projeto foi aprovado em sessão remota (Foto: Câmara Municipal de Campinas)
Os vereadores de Campinas aprovaram nesta quinta-feira (18), em 1ª discussão o PL (Projeto de Lei) da LOA (Lei Orçamentária Anual) de 2021, que prevê um orçamento de R$ 6,5 bilhões para a cidade em 2021. A Administração prevê um crescimento de 4,69% em relação ao orçamento de 2020.  

O projeto do Executivo para o orçamento do ano que vem recebeu 14 votos favoráveis e cinco votos contrários, e agora vai ficar fora da pauta por duas datas de votação.   

LEIA TAMBÉM  
Câmara rejeita aumento no salário de prefeito e secretários de Campinas

Neste período, os vereadores poderão apresentar emendas dos parlamentares e, só então, a proposta de orçamento para 2021 voltará para o plenário e será votada em análise final. 

ESTIMATIVA

Para o próximo ano, a área da Saúde ficará com a maior parcela de recursos. São R$ 1,637 bilhão, um crescimento de 5,11%. Deste total, R$ 1,310 bilhão será destinado para a Secretaria de Saúde, o que significa 2,85% a mais que o orçamento de 2020; e R$ 326,690 milhões para a Rede Mário Gatti de Urgência e Emergência, crescimento de 15,26% também com relação ao anterior.

A segunda área com maior orçamento é a Educação, que receberá R$ 1,284 bilhão, sendo R$ 1,226 bilhão para a Secretaria de Educação e R$ 58,2 milhões para a Fumec. O orçamento das duas pastas cresceu 1,37% no comparativo com o ano passado.

Por outro lado, a Secretaria de Transportes teve uma queda de 43%. Segundo a Prefeitura, a redução se dá por conta das obras do BRT, que já entraram em fase de conclusão, demandando menos recursos que em 2020.

Outra que houve queda foi na Secretaria de Serviços Públicos - será 6,11% a menos que 2020. Para este caso, a Administração informou houve a manutenção do orçamento inicial da Pasta de 2020.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON