Publicidade

cotidiano

Comércio prevê faturamento R$ 165 milhões a menos no Natal em Campinas

Um dos motivos da queda é o fechamento de 290 lojas no Centro

| ACidadeON Campinas -

Vendas no Natal devem ficar abaixo do ano passado em Campinas (Foto: Denny Cesare/Codigo 19)

A Acic (Associação Comercial e Industrial de Campinas) prevê uma queda de R$ 165 milhões no comércio de Natal em Campinas em comparação ao ano passado.

A análise foi divulgada nesta terça-feira (24) pelo Departamento de Economia da associação. Segundo a estimativa, os números de vendas na cidade não deverão passar de R$ 2, 557 bilhões, enquanto no ano passado as vendas natalinas atingiram o faturamento de R$ 2,722 bilhões.  

Em Campinas, 40% das lojas estão localizadas nos shoppings centers, espalhados em diferentes regiões, 35% na região central e 25% na periferia.  

Em dezembro, com as vendas de Natal, as lojas dos shoppings centers devem responder pelo maior número de vendas, sendo 38% do total do mês.Já as lojas instaladas no chamado centro expandido, por 29%, os supermercados por 19% e os estabelecimentos localizados na periferia, por 14%.  

O fechamento de 290 lojas no centro expandido devido às consequências da pandemia e da quarentena é considerado uma das causas das expectativas de redução de R$ 47,9 milhões no faturamento no comércio do Centro.  

Segundo a Acic, havia 2.620 estabelecimentos comerciais funcionando na área central em 2019, contra 2.330, em 2020. No ano passado, foram movimentados R$ 789,4 milhões na região central e, este ano, a previsão é de R$ 741,5 milhões.  

SEM PAPAI NOEL  

Os principais corredores do comércio popular de Campinas recebem no período de Natal a circulação de mais de 400 mil pessoas por dia. No ano passado, o Palácio do Papai Noel, instalado atrás da Catedral, foi responsável por ajudar a alavancar o público, mas esse ano o bom velhinho não vai visitar o Centro.  

Diante das recomendações de se evitar aglomerações, a decoração natalina tradicionalmente realizada pela Acic na região central, neste ano, não contará com o Palácio do Papai Noel.  

Segundo a associação, a decoração, no entanto já está em andamento, sendo que já estão sendo montadas duas árvores de Natal decoradas, uma, com seis metros de altura na Praça Rui Barbosa (atrás da Catedral) e, outra, com quatro metros de altura, no final da Rua 13 de Maio.  

Na Praça Rui Barbosa, diariamente, em horários pré-definidos, será lançada neve artificial. A inauguração da decoração natalina será feita na Black Friday, nesta sexta-feira (27) e as árvores decorarão o centro de Campinas até o dia 26 de dezembro.

Mais notícias


Publicidade