Aguarde...

cotidiano

Unicamp inicia aplicação de provas para 34 mil candidatos

Os portões foram abertos às 12h, e as provas se iniciaram às 13h; durante a abertura dos portões, houve movimento intenso de estudantes

| ACidadeON Campinas


Provas da Unicamp começaram a ser aplicadas hoje (Foto: Denny Cesare/Código19)
A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) iniciou, nesta quarta-feira (6), a primeira fase do Vestibular 2021 com aplicação de provas para 34.024 candidatos aos cursos do segmento de Ciências Humanas/Artes e de Exatas/Tecnológicas. 

Os portões foram abertos às 12h, e as provas se iniciaram às 13h. Durante a abertura dos portões, houve movimento intenso de estudantes nos locais de aplicação de prova.  

Apesar da pandemia, neste ano o número de candidatos e vagas oferecidas aumentou, sendo que no ano passado foram inscritos 72.859 candidatos para 2,5 mil vagas. Já neste ano se inscreveram 77.655 candidatos que irão concorrer a 3.237 vagas em 69 cursos de graduação.  

Para evitar aglomerações, os candidatos foram divididos em dois grupos e farão as provas em dias diferentes. Amanhã (7), outros 43.631 candidatos farão as provas para cursos da área de Ciências Biológicas/Saúde.  

Nas mudanças, houve o aumento no número de salas de prova, para garantir o distanciamento entre os candidatos. As salas passaram de 1.502 no Vestibular 2020 para 3.381 no Vestibular 2021. O tempo de prova também foi reduzido de cinco para quatro horas, com a diminuição de 90 para 72 questões na primeira fase. 

Segundo a universidade, foram feitas ainda compras de 2 mil litros de álcool em gel e de 25 mil máscaras de proteção para os fiscais e profissionais de apoio na aplicação do exame.

Além de Campinas, a Comvest aplica as provas da primeira fase em Araçatuba, Barueri, Bauru, Belo Horizonte, Botucatu, Bragança Paulista, Brasília, Curitiba, Fernandópolis, Fortaleza, Franca, Guarulhos, Indaiatuba, Jundiaí, Limeira, Lorena, Marília, Mogi das Cruzes, Mogi Guaçu, Osasco, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Salvador, Santa Bárbara d'Oeste, Santo André, Santos, São Bernardo do Campo, São Carlos, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba, Sumaré e Valinhos. 

Para professores de cursinhos, a Unicamp tem por característica a busca por assuntos atuais, exigindo reflexão dos candidatos sobre o mundo.  Com isso, questões sobre a pandemia e assuntos correlatos como geopolítica e democracia devem se fazer presentes na prova deste ano. Às 17h30, a Unicamp irá fazer uma coletiva de imprensa para comentar sobre o 1º dia de aplicação de provas. 


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON