Publicidade

cotidiano

PM faz operação contra receptação de produtos roubados em Campinas

Depósito no Jardim Flamboyant armazenava diversos materiais, incluindo carrinhos de supermercado

| ACidadeON Campinas -

Armazém encontrado pela PM (Foto: Jonatan Morel/EPTV Campinas) 

*Esta matéria foi atualizada às 16h48 do dia 10 de junho 
 
A PM (Polícia Militar) de Campinas realizou nesta quinta-feira (10) uma operação em diversos locais da cidade contra receptação de produtos furtados e roubados do comércio local. Os alvos são depósitos e estabelecimentos que armazenam esses produtos.

Segundo a polícia, dois homens foram detidos e uma terceiro conduzido ao Plantão Policial para apuração de crime ambiental. 
O primeiro comerciante foi preso em flagrante pelos crime de furto de energia elétrica e água, receptação dolosa qualificada e crime ambiental. O seu comércio foi lacrado. 

Ele seria o proprietário de um depósito ilegal de reciclagem no Jardim Flamboyant, onde estavam armazenados vários materiais, incluindo carrinhos de supermercado e bicicletas desmontadas. O local fica próximo de um ribeirão, o que pode ter gerado danos ambientais. Foram recuperados objetos produtos de furto, além de fios de cobre e outros objetos.
 
O segundo detido, também comerciante, foi preso em flagrante pelo crime de furto de energia e exercício Ilegal de atividade. Os fiscais da Prefeitura constataram o uso de área de preservação ambiental e a falta de alvará de funcionamento, razão pela qual foram lavrados autos de infração. 

O terceiro envolvido foi conduzido ao Plantão Policial para apuração de Crime Ambiental, uma vez que invadiu área publica e desmatou área de preservação ambiental, além de criar animais irregularmente no local. Os fiscais da Prefeitura procederam a notificação de desocupação e outras providências administrativas.  

A ação foi em conjunto com a Polícia Civil e a Secretaria Municipal do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, da Prefeitura de Campinas. Participaram da ação 34 agentes das forças de segurança, além de três cães farejadores.


Mais notícias


Publicidade