Publicidade

cotidiano

Onda de frio que chega nessa semana pode ser a mais fria do século no Brasil

A previsão é de que as temperaturas podem chegar a -8, com probabilidade de neve nos estados do Sul e geadas em municípios de São Paulo

| ACidadeON Campinas -

Frio promete ser intenso. (Foto: Denny Cesare/Código 19)

Uma massa de ar frio de origem polar de grande intensidade deve chegar ao Brasil na próxima semana com potencial para ser uma das mais intensas deste século. A previsão é de que as temperaturas podem chegar a -8, com probabilidade de neve nos estados do Sul e geadas em municípios de São Paulo.

A previsão tem sido compartilhada por pelo menos três institutos. A MetSul Meteorologia relata em suas previsões que a sensação térmica em estados do Sul pode chegar a -25ºC, enquanto a temperatura mínima deve ficar em torno de -6ºC.

Climatempo e Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) também confirmam as previsões de forte queda na temperatura nos próximos dias. De acordo com o Inmet, as mínimas previstas "em uma ampla área" da região Sul irão variar entre - 6ºC e -8°C na manhã de sexta-feira, 30 de julho. Inmet e Climatempo não detalharam as sensações térmicas, como a MetSul Meteorologia.

Segundo a MetSul, a possibilidade de neve nos pontos mais altos dos Estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul é "altíssima". Em São Paulo, a expectativa é de que a temperatura fique próxima de 0°C, com sensação térmica abaixo de zero e ocorrência de geadas.

Os modelos numéricos analisados pela empresa de meteorologia são preliminares e serão validados nos próximos dias. Se confirmada, a massa de ar frio deve ser muito mais forte do que as duas últimas frentes frias que passaram pelo país, em junho e nos últimos dias.

"Modelos numéricos analisados pela MetSul Meteorologia vêm indicando de forma sistemática que será uma erupção de ar gelado muito intensa, mais forte que a de junho e a desta semana, e em alguns momentos chegam a sinalizar uma onda polar de excepcional força com magnitude raramente vista na história recente", informa o instituto.
 
QUANDO? 

O ar polar que vai derrubar as temperaturas deve ingressar no Brasil entre a terça (27) e a quarta-feira (28). Segundo a previsão, o período de quarta-feira até o sábado deve ser o mais gelado, com as temperaturas máximas, registradas geralmente no meio da tarde, muito baixas.

Os meteorologistas do instituto dizem que fenômenos semelhantes tinham sido registrados em julho de 2000 e de 2007. Regiões com altitudes acima de 1.800 m, como o Morro da Igreja (SC), devem ter sensação térmica entre -20°C e -25°C. Já o Rio Grande do Sul deve experimentar até -20°C de sensação térmica, com a mínima nos termômetros de até -5°C.

A MetSul ressalta que, como se trata de um evento previsto para daqui sete ou oito dias, as projeções são preliminares e o cenário não é definitivo.

CAMPINAS

Em Campinas, o Cepagri (Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura), prevê a passagem de uma frente fria entre quarta e quinta-feira da semana que vem, quando é também esperada chuva na região. Mas o instituto ainda não compartilhou projeções de temperaturas mínimas.

Mais notícias


Publicidade