Publicidade

cotidiano

Defesa Civil emite alerta para onda de calor em Campinas

Alerta é válido a partir de amanhã (18) até terça-feira (21); sensação térmica pode chegar a 38°C

| ACidadeON Campinas -

Onda de calor atingirá Campinas, segundo Defesa (Foto: Carlos Bassan/PMC) 

A Defesa Civil estadual emitiu um alerta nesta sexta-feira (17) para uma onda de calor que vai atingir a região de Campinas a partir de amanhã (18). Segundo órgão, a onda de calor deve durar até terça-feira (21).

A previsão indica que a temperatura máxima pode chegar a 36°C e a sensação térmica deve ser ainda maior, de 38°C. "As temperaturas tendem a ficar elevadas, com momentos de calor intenso e níveis críticos de umidade relativa do ar, na região de Campinas", disse o órgão.

Por conta disso, a Defesa ressaltou a importância de beber água constantemente e evitar exercícios ao ar livre, no período vespertino. Além disso, não se deve colocar fogo em vegetação, pois pode provocar incêndio florestal, o que é crime ambiental.  

TEMPO SECO

Hoje, Campinas entrou em estado de atenção após a Umidade Relativa do Ar (URA) estar 29,5%, registrada às 13h40. A Defesa Civil municipal emitiu o boletim a partir de informações da Estação Ciiagro/IAC Campinas Região Norte. O estado de atenção é registrado quando a URA está entre 20 e 30%.

RECORDE DE CALOR

Em setembro, Campinas bateu dois recordes de maior temperatura no ano, de acordo com dados do Cepagri (Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura), da Unicamp.

O último registro ocorreu na segunda-feira (13), quando Campinas atingiu 36,1°C em pleno inverno. A  temperatura foi registrada por volta das 13h40. 

O registro anterior havia ocorrido no dia 8 de setembro, com 35,9ºC, às 15h10. Antes,  entre 13h20 e 13h30 a temperatura havia batido a 34,6°C, já batendo recorde na data.

Mais notícias


Publicidade