Publicidade

cotidiano

Rodeio de Jaguariúna é confirmado e vai exigir cartão de vacina

A festa foi confirmada entre 26 de novembro e 4 de dezembro depois que o Governo de São Paulo liberou grandes eventos

| ACidadeON Campinas -

Rodeio de Jaguariúna acontece no final deste ano (Foto: Divulgação/Rodeio de Jaguariúna)
 

A organização do Rodeio de Jaguariúna confirmou nesta quarta-feira (22) que vai realizar a edição deste ano entre os dias 26 de novembro e 4 de dezembro. Para isso, vai exigir a apresentação dos cartões de vacinação com a comprovação das duas doses contra a covid-19.

"Estamos confiantes e entusiasmados com a volta dos eventos, que simbolizam, além da retomada econômica, o encontro e a celebração da música e do entretenimento ao vivo", comentou um dos organizadores do rodeio tradicional na região, Gui Marconi.

A festa fará parte de uma série de eventos-modelo organizados pelas secretarias de Desenvolvimento Econômico e Turismo e Viagens do Estado de São Paulo. Todos vão contar com protocolos que incluem testagem prévia e apresentação de comprovantes de vacinação.

Até o momento, os eventos realizados reuniram entre 150 e 3 mil pessoas em feiras de negócios e criativas, jantares sociais e corridas de rua. Os testes, na avaliação do governo estadual, tiveram resultados positivos que permitiram a liberação de eventos maiores no fim do ano.

GRANDES EVENTOS

Nos últimos meses do ano, conforme a divulgação estadual, estão previstas ainda a feira gastronômica Taste of São Paulo, a Oktoberfest e a Campus Party, assim como a retomada de grandes eventos esportivos internacionais, como o GP São Paulo de F1 e a Corrida São Silvestre.

EVENTOS COMERCIAIS

Na avaliação do governo paulista, o retorno dos eventos comerciais incrementa uma ampla cadeia produtiva no Estado. São setores e ramos que envolvem, por exemplo, montadoras de estantes e locadores de móveis, decoradores, paisagistas e sistema de transportes.

Os dados do mercado, somando todos esses setores, indicam que, no período pré-pandemia, em média 8,2 milhões de pessoas participavam desses encontros no Estado, em 742 eventos e 66 mil empresas expositoras.

PROTOCOLOS SANITÁRIOS

Os eventos-modelo foram anunciados com protocolos de segurança para a retomada dos eventos nas áreas de economia criativa, negócios, lazer, esportes e turismo.

O objetivo é criar um planejamento seguro, responsável e baseado na ciência com o apoio do setor privado para a retomada de um dos setores mais impactados pela pandemia.

Entre eles, testagem de participantes e equipe, assim como acompanhamento pós-evento do Governo do Estado. O objetivo deste estudo é ajustar, a partir de situações reais, as regras que possibilitarão a retomada deste setor.

Mais notícias


Publicidade