Publicidade

cotidiano

Mulher é libertada após 3h30 no Pq. Centenário, em Campinas

Gate da PM liderou as negociações; Bombeiros também foram até o local

| ACidadeON Campinas -

 

Equipes se posicionam para liberar vítima (Foto: Reprodução/EPTV Campinas)

A mulher de 29 anos que foi feita refém pelo companheiro de 45 na tarde desta terça-feira (12), em Campinas, foi libertada após ser ameaçada por cerca de 3h30. O caso aconteceu no Parque Centenário e a vítima não teve ferimentos.

A informação foi confirmada pela PM (Polícia Militar), que realizou o cerco na Rua Manoel Quirino Santos desde às 14h30. Ainda de acordo com a PM, o relacionamento dos dois começou há cerca de 45 dias.  

Por volta das 16h40, o Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais) chegou ao endereço e um negociador iniciou diálogo para a liberação da mulher. Depois das 17h, o Helicóptero Águia pousou em um campo de futebol próximo.

Após as negociações com o Gate, o cárcere privado se encerrou às 17h55. Minutos depois, a mulher foi retirada da casa pelos policiais militares. O homem saiu logo depois, algemado. Ele foi colocado em uma viatura que deixou rapidamente o local. Os vizinhos que acompanharam as cenas comemoraram o desfecho do caso. 

Equipe do Gate ajudou nas negociações para libertar vítima (Foto: Reprodução/EPTV Campinas)

De acordo com o Major Mercadante, do Gate, o homem fez a mulher refém após uma briga. Durante a negociação, que aconteceu pelo vidro quebrado de uma das portas do imóvel, a equipe o convenceu a largar a faca que usou para ameaçar a vítima.  

"A negociação transcorreu bem, foi meio tensa no início. (...) Quando ele começou a raciocinar, percebeu que a melhor saída seria se entregar à polícia", disse ele. 

Junto com a polícia, o Corpo de Bombeiros foi ao local para socorrer alguém, caso fosse necessário, mas não há informações sobre feridos.   

Homem saiu algemado da residência (Foto: Reprodução/EPTV Campinas)

Mais notícias


Publicidade