Publicidade

cotidiano

Homem é preso após agredir mãe e padrasto em Campinas

Agressões teriam começado após mãe reclamar que filho estava sujo

| ACidadeON Campinas -

Agressões terminaram no banheiro e mulher usou pote de vidro para tentar se defender (Foto: Wagner Souza)


Um homem foi preso ontem (1º) após agredir a própria mãe e o padrasto em Campinas. As agressões teriam acontecido no começo da manhã, no Parque Via Norte.

Segundo a Polícia Militar, equipes chegaram ao local após uma denúncia de violência doméstica. No local, os policiais encontraram o casal ferido no imóvel.

A mulher, de 53 anos, foi agredida pelo próprio filho com socos e golpes na cabeça. Ela tentou se defender com um pote de vidro. Já o padrasto, que teria dificuldades de andar, chegou a ser esganado pelo enteado. As agressões começaram no andar de baixo da casa e seguiram no andar de cima do imóvel.

A mulher e o marido foram socorridos pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e encaminhados a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Padre Anchieta.

Segundo o irmão do suspeito, as agressões teriam começado após a mãe reclamar que o filho tinha chegado na casa sujo de barro.

FUGA E CONFISSÃO

Vizinhos que ouviram gritos vindos da casa acionaram a polícia. Ao chegar no local, no entanto, o homem havia fugido.

"Por volta de 9h20 fomos acionados via Copom, chegando aqui à vítima já estava sendo resgatada. Os familiares, vizinhos e testemunhas informaram as características do indivíduo e saímos em patrulhamento pelo bairro. Depois de alguns minutos encontramos o suspeito. Fizemos a abordagem, ele foi reconhecido e ficou detido", explicou a policial Raíssa Caroline Lopes.

Segundo a policial, havia muito sangue na casa e o próprio homem confessou que tentou matar a mãe.

"Ao chegar no local vimos sangue pela casa toda, a vítima (mãe) contou que ele tentou matá-la e ele mesmo confirmou a tentativa de homicídio. Ele estava muito transtornado, informou que fez uso de substâncias químicas, acreditamos que foi também por ciúme da mãe", relatou.

O homem foi detido em flagrante e vai responder pelos crimes de lesão corporal, ameaça e violência doméstica.

Mais notícias


Publicidade