Publicidade

cotidiano

Serra Negra volta a obrigar utilização de máscaras nas escolas

Argumento da Administração cita aumento de casos de covid-19 entre as crianças; entenda

| ACidadeON Campinas -

EMEM Maestro Fioravante Lugli em Serra Negra (CTP) (Foto: divulgação/ PMSN)
 

O decreto que determina a retomada da obrigatoriedade do uso de máscaras em escolas e serviços de Educação de Serra Negra foi publicado pela Prefeitura e entrou em vigor nesta quinta-feira (12).

A decisão se baseou nos índices de contaminação da covid-19 nas últimas semanas, "principalmente entre as crianças". O texto ainda recomenda a proteção em estabelecimentos e locais públicos.

"A secretaria de Saúde manterá o monitoramento da evolução da pandemia da no município por meio de análises epidemiológicas, podendo elaborar novas recomendações a qualquer tempo", diz o decreto.

USO FACULTATIVO

O uso do item em Serra Negra se tornou facultativo em 18 de março. A medida envolvia espaços abertos e fechados. A exceção era nos serviços de saúde e no transporte público, locais onde a utilização segue obrigatória.

NÚMEROS DA PANDEMIA

Com 5.247 casos confirmados de covid-19, a cidade teve 72 novas infecções no total entre 25 de abril e 9 de maio. Serra Negra tem 107 mortes pela doença.

EM CAMPINAS

Em uma nota técnica publicada na tarde desta quinta-feira (12), o Comitê Municipal de Enfrentamento da Pandemia de Campinas manteve a decisão da utilização de máscaras em locais fechados nas escolas da cidade.

De acordo com a Prefeitura, o grupo tomou esta decisão "com base na alta ocupação de leitos neonatais e pediátricos", na dificuldade em ampliar as estruturas e "na baixa cobertura vacinal contra a covid-19".

Ainda de acordo com o município, a baixa exposição das crianças aos vírus respiratórios durante a pandemia, que deixou suscetíveis mais pessoas desta faixa etária, também foi citada pelos especialistas.

Mais notícias


Publicidade