Publicidade

cotidiano

Pela 2ª vez, Campinas entra em estado de alerta por tempo seco

Umidade relativa do ar chegou a 19,2%; veja recomendações para diminuir desconforto

| ACidadeON Campinas -

Cidade está em estado de alerta por conta de baixa umidade do ar (Foto: Luciano Claudino/Código19)

Pela segunda vez no mês, Campinas está em estado de alerta pela baixa umidade relativa do ar. Às 14h20 desta terça-feira (17), o índice atingiu 19,2%.

O dado consta no boletim emitido pelo Departamento de Defesa Civil do município, a partir de dado recebido da Estação Ciiagro/IAC Campinas Região Norte, responsável pela medição.

O estado de alerta é decretado quando a umidade relativa do ar registra índice entre 12% e 20%. A primeira vez em maio ocorreu na última sexta-feira (13), quando Campinas atingiu 19,5% de umidade relativa do ar.

A vez anterior foi em 23 de janeiro deste ano, quando o índice registrado foi de 19,9%.

LEIA TAMBÉM
Defesa Civil alerta para onda de frio com mínima de 4°C para Campinas
Campinas abre 1 mil vagas para castração gratuita de cães e gatos
Suspeito de matar estudante da Unicamp tinha símbolo nazista no quarto

RECOMENDAÇÕES

A Prefeitura de Campinas, por meio da Defesa Civil do município, recomendou orientações para diminuir o desconforto. Confira:

- consumir muita água

- cuidado especial com crianças e idosos

- suprimir exercícios físicos e trabalhos ao ar livre entre 10 e 16 horas

- evitar aglomerações em ambientes fechados

- usar soro fisiológico para olhos e narinas


Também é aconselhado manter os ambientes umidificados com vaporizadores, toalhas molhadas ou recipientes com água.

É sugerido, ainda, aguar os jardins e, sempre que possível, permanecer em locais protegidos do sol, em áreas vegetadas. Outra orientação é evitar queimadas que, além de proibidas por lei, prejudicam o meio ambiente e a saúde.

Publicidade