Publicidade

cotidiano

Ex-presidente Lula e políticos comparecem a velório de Jacó Bittar, em Campinas

Ex-prefeito de Campinas, que foi petroleiro, político e sindicalista, faleceu aos 81 anos

| ACidadeON Campinas -

Ex-presidente Lula comparece ao velório de Jacó Bittar, em Campinas (Foto: Denny Cesare/Código 19)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e outros políticos compareceram ao velório do ex-prefeito Jacó Bittar na tarde desta quinta-feira (26), em Campinas.

Ele faleceu na madrugada de hoje, aos 81 anos. A morte foi confirmada pelo PSB, que informou por meio de nota a morte do político e líder sindical. Jacó foi prefeito de Campinas entre os anos de 1989 a 1992. Ele morreu em decorrência da doença de Parkinson, e deixou três filhos.

O velório aconteceu no Cemitério Municipal de Sousas e também contou com o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), o prefeito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos), o ex-prefeito de Campinas Jonas Donizette (PSB) e o vereador de Campinas Gustavo Petta (PCdoB).

TRAJETÓRIA


Jacó Bittar nasceu em Manduri, São Paulo, em 12 de outubro de 1940. Foi petroleiro, político e sindicalista. Foi um dos fundadores do Sindicato dos Petroleiros de Paulínia e Campinas, da CUT e do Partido dos Trabalhadores.

Foi também presidente do Sindicato dos Petroleiros e conselheiro do fundo de pensão da Petrobrás - Petros. Em 1988 elegeu-se prefeito de Campinas com 32,4% dos votos. 



LUTO OFICIAL

O atual prefeito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos), decretou luto oficial de 3 dias na cidade após a morte do ex-prefeito Jacó Bittar.

Em nota, Dário Saadi disse lamentar a morte do ex-prefeito Jacó Bittar, que segundo ele foi marcante em diversas conquistas para a classe sindicalista.

"Campinas perde um dos seus principais personagens da política, principalmente das décadas de 1980 e 1990. Um dos mais destacados sindicalistas do país, Jacó foi marcante em várias conquistas para a classe sindicalista de Campinas e região. Também foi importante na fundação do Partido dos Trabalhadores. Na época em que foi prefeito, de 1989 a 1993, acabara de me formar em Medicina e fazia residência em urologia no Hospital Mário Gatti e na Casa de Saúde. Em sua homenagem, vamos decretar três dias de luto oficial em nossa cidade. Meus sinceros sentimentos à família e aos amigos", disse no texto.

HOMENAGENS

Durante a manhã, Jacó recebeu homenagens do vice prefeito de Campinas, Wanderley de Almeida, do ex-prefeito Jonas Donizete, além do presidente da Câmara Municipal, Zé Carlos. Além do PSB, o PT também emitiu nota de pesar pela morte do político.

Publicidade