Aguarde...

Colunistas

Sonhar e realizar é um ato de coragem!

Pais e responsáveis devem desde cedo incentivar aos filhos a terem planos e conseguir colocar em prática seus desejos

| Especial para ACidade ON

As psicólogas Priscila Ribeiro Manzoli e Denize Campos Ribeiro (Foto: Divulgação) 


Quem já desfrutou daquela sensação boa de planejar alguma coisa na vida e, no final da jornada, se sentir vitorioso, sabe que vale a pena apostar nos sonhos, não é verdade? Seja um sonho, um desejo, algo grande ou pequeno, não importa, a sensação de ver dar certo algo que desejamos é muito boa e nos torna mais confiantes para partir rumo aos próximos sonhos. O importante é seguir em frente e não desistir no meio do caminho. 

E sim, pais e responsáveis, devem desde cedo incentivar aos filhos a terem planos e conseguir colocar em prática seus desejos. Faça uma busca rápida em sua memória sobre qual foi o último sonho que você conseguiu realizar e lembre-se da sensação quando seu desejo se concretizou. É bom, não acham? E nem pense que a gente só se alimenta de grandes sonhos, pois os pequenos são infinitamente especiais e importantes. Até nos ajudam a criar repertório e confiança para buscar novos sonhos. 

Vale destacar que os pais não precisam exigir que o filho mude a história do mundo, mas podem estimular que as crianças tenham coragem de sonhar e ter grandes projetos de vida. Mas, nem pense em transferir seus sonhos e frustrações para os seus filhos, combinado? Permita que ele escolha seus sonhos e desejos. Outra coisa muito importante neste processo é que devemos sempre respeitar a individualidade das crianças. Frases como: Você nunca vai conseguir fazer isso, devem ser extintas do nosso vocabulário com os pequenos, para que eles não deixem de acreditar em seu potencial. 

Ter sonhos e ideias pode contribuir para que as crianças tenham atitudes empreendedoras. Estimular as crianças a serem proativas, exercitando a capacidade de planejamento, de enfrentar as adversidades, sem desistir no primeiro empecilho, ajudará que elas sejam mais confiantes nelas e no mundo. E sim, ensine seu filho a não ter medo de errar. Porque se ele ficar com medo de errar, pode desistir e nem tentar! O erro deve ser visto como uma oportunidade de aprender e acertar da próxima vez, uma forma de recalcular a rota. Algo bem comum na vida adulta, não acham? Se pararmos para pensar damos mais valor a nossas vitórias quando elas exigem mais esforço e dedicação.  

A autoestima elevada é um caminho potente para estimular seus filhos a sonhar e batalhar por seus projetos. Destacamos aqui um belo trecho da canção Quem Acredita Sempre Alcança, de Renato Russo, da Legião Urbana, para deixarmos como reflexão sobre esse tema: Nunca deixem que lhe digam que não vale a pena acreditar no sonho que se tem/ Ou que seus planos nunca vão dar certo/ Ou que você nunca vai ser alguém/Se você quiser alguém em quem confiar/ Confie em si mesmo/ Quem acredita sempre alcança/ Quem acredita sempre alcança... Bonita letra, não acham? E serve tanto para nós, quanto para as nossas crianças: Não desista dos seu sonhos, planeje e ache caminhos para conseguir concretizá-los. Sempre vale a pena!  

Nós do Programa Fortalecendo Laços estamos aqui para ajudar no caso de dúvidas e também continuando nossa rotina de trabalho por meio dos atendimentos online. Caso vocês queiram conversar on-line ou agendar um atendimento entrem em contato conosco. 

Priscila Ribeiro Manzoli é psicóloga, mãe do Francisco e dos gêmeos João e Pedro e encantada com as dores e as delícias da maternidade. Denize Ribeiro também é psicóloga e com a chegada da filha Elis tornou-se ainda mais empática com os pais e compreendeu melhor a importância de educar com planejamento. Elas acreditam que para formar indivíduos emocionalmente saudáveis e mais conscientes, os pais precisam necessariamente saber como fazer isso e definir um propósito na educação de seus filhos. Desse encontro profissional nasceu o Programa Fortalecendo Laços, com o objetivo mostrar esse caminho para pais e mães, fortalecendo os laços de amor e o vínculo familiar entre eles.

Mais do ACidade ON