Aguarde...

cotidiano

Servidores do Mário Gatti têm que compartilhar óculos de proteção

Funcionários do hospital municipal estão tendo que compartilhar óculos de proteção individual em meio a pandemia de coronavírus

| ACidadeON Campinas

O Hospital Municipal Mário Gatti, em Campinas (Foto: Luciano Claudino/Código19) 

Os funcionários do Hospital Municipal Doutor Mário Gatti, em Campinas, estão tendo que compartilhar óculos de proteção individual. A Rede não dispõe do equipamento para todos os servidores.

O uso dos EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) são essenciais para os servidores da saúde na prevenção à pandemia da covid-19.

Segundo um comunicado que os servidores receberam, depois de usar os óculos, o servidor deve lavá-lo com água e sabão. A utilização passou a ser obrigatória quando estiverem em contatos com pacientes suspeitos de covid-19. Campinas tem três casos confirmados da doença.  

LEIA MAIS 
Veja a cobertura completa sobre os reflexos do coronavírus em Campinas

"Hoje pela manhã informaram a gente que não têm mais óculos e que eles teriam que ser compartilhados. Fica todo mundo apreensivo", afirmou uma servidora que preferiu não ser identificada.

De acordo com a própria Prefeitura de Campinas, é recomendado, a todos, o uso de equipamentos de proteção individual completo, como luvas, óculos, máscara e roupa especial no tratamento de casos suspeitos.

Apesar da informação ter sido repassada pela chefia aos servidores públicos, a Rede Mário Gatti negou que isto esteja ocorrendo.

"Há óculos em estoque para atender as unidades. Cada funcionário recebe um óculos, que é individual e deve ser higienizado corretamente após o uso. Esse equipamento de proteção não é descartável, mas deve ser reutilizado apenas pelo funcionário que o recebeu inicialmente", disse a nota oficial.  

Informações foram repassadas aos servidores do Mário Gatti
OUTRA UNIDADE

Já no CS (Centro de Saúde) do bairro Santa Rosa, os servidores da unidade não têm máscara para trabalhar. Este equipamento também é obrigatório na prevenção à covid-19.

Sobre este caso, a Secretaria de Saúde informou apenas que "a máscara deve ser usada para pessoas que vão buscar atendimento e estão com esses sintomas. Não há recomendação para uso de máscaras para a população em geral neste momento; apenas para profissionais de saúde durante o atendimento aos pacientes".

Mais do ACidade ON