Aguarde...

cotidiano

Comgás suspende cortes por falta de pagamento até 31 de maio

Medida foi tomada por conta do avanço do novo coronavírus e o impacto econômico na vida dos trabalhadores

| ACidadeON Campinas

Comgás suspendeu corte de gás por conta do coronavírus (Foto: Sarah Brito) 

A Comgás decidiu nesta segunda-feira (23) suspender o corte de gás encanado das residências para as quais fornece o serviço, o que inclui a região de Campinas, por conta do avanço do novo coronavírus e o impacto econômico na vida das famílias.

Em nota oficial, a empresa disse que suspendeu, em caráter provisório, até 31 de maio de 2020, a cobrança de valores devidos a título de volume mínimo contratado e não retirado (take-or-pay), vencidos a partir desta data.

Além disso, a Comgás suspendeu também, até o mesmo 31 de maio, as ações de interrupção de fornecimento de gás, a não ser em casos de emergência, de consumidores residenciais e pequenos comércios que consomem até 500m3/mês, conforme a média de consumo do primeiro bimestre deste ano. Hospitais e equipamentos de saúde estão incluídos.

A empresa disse que reitera ainda o compromisso em garantir a regularidade do abastecimento de gás natural aos mais de 2 milhões de clientes. No país, a concessão é para as regiões da Grande São Paulo, Baixada Santista, Campinas e Vale do Paraíba.

No segmento industrial, a suspensão, também em caráter provisório, até 31 de maio de 2020, a cobrança de valores devidos a título de volume mínimo contratado e não retirado (take-or-pay), vencidos a partir desta data.

A decisão foi tomada após tratativas com a Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Governo do Estado e a Arsesp (Agência Reguladora de Saneamento e Energia de São Paulo (ARSESP). Essa ação é válida a partir desta segunda feira (23).

Mais do ACidade ON