cotidiano

Especial coronavirus

Campinas tem 8ª morte por covid-19; casos chegam a 177

A vítima é um homem de 63 anos, que não tinha comorbidades

| ACidadeON Campinas -

Campinas atualiza números da covid-19. (Foto: Luciano Claudino/Código 19)

A Prefeitura de Campinas confirmou na manhã desta segunda-feira (20) a oitava morte por covid-19 na cidade. A vítima é um homem de 63 anos, que não tinha comorbidades. Ele morreu no último dia 30 em um hospital particular de Campinas. O exame laboratorial confirmatório veio do Instituto Adolfo Lutz.

O número de casos confirmados também subiu na cidade. Passou de 163, divulgado na última sexta-feira (17), para 177 hoje (20) aumento de 8,5%.  

Os casos em investigação reduziram até sexta eram 1.082 e agora são 986 queda de 8,8%. Teve aumento no número de casos descartados. Até sexta eram 280 e agora são 420 aumento de 50%.   
 
Segundo a Prefeitura, a diferença no número de casos descartados e em investigação refere-se ao recebimento de resultados de exames liberados pelo Instituto Adolfo Lutz. Os exames estavam acumulados e os resultados, inclusive de amostras enviadas há mais de 30 dias, estão saindo juntos.
 
LEIA TAMBÉM 
Indaiatuba volta atrás e suspende flexibilização do comércio
Motoristas fazem carreata contra quarentena em Campinas
Confira as últimas notícias sobre o coronavírus em Campinas e na região


A Secretaria de Saúde ainda não informou detalhes dos números atualizados na manhã desta segunda-feira. Assim que fizer essa matéria será atualizada.

TAXA DE ISOLAMENTO

Campinas voltou a registrar a taxa de isolamento social acima de 50%, após uma semana com queda nas medidas recomendadas pelo Ministério da Saúde. Após cinco dias com classificação estável e em queda, registrando 48% de segunda (13) à quarta-feira (15), 47% na quinta (16) e 46% na sexta (17), neste sábado (18) a cidade registrou 52% de adesão a medida.  

As informações foram obtidas pelo SIMI-SP (Sistema de Monitoramento Inteligente do Governo de São Paulo), que analisa os dados de telefonia móvel para indicar tendências de deslocamento e apontar a eficácia das medidas de isolamento social (leia mais aqui).

Publicidade