cotidiano

Especial coronavirus

Rua 13 de Maio recebe pintura; Emdec define vias para drive-thru

A sinalização de solo implantada na 13 de Maio busca orientar o fluxo de consumidores e evitar a aglomeração de pessoas

| ACidadeON Campinas -

Via recebeu pintura na noite desta terça-feira. (Foto: Denny Cesare/Código 19)

A Prefeitura de Campinas implantou a sinalização de solo, para pedestres, na Rua 13 de Maio, principal corredor de compras da área central. A pintura foi finalizada na noite desta terça-feira (16) e tem como objetivo organizar o fluxo de pessoas na via que foi dividida em duas faixas, com setas indicando sentidos opostos para a circulação de pedestres. 

Além disso, a Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas) definiu as vias onde serão implantados os pontos de drive-thru para as lojas do comércio central que não têm estacionamento. 

A sinalização de solo implantada na 13 de Maio busca orientar o fluxo de consumidores e evitar a aglomeração de pessoas. De um lado a mão sobe (sentido Estação Cultura) e outra que desce (sentido Catedral Metropolitana).

Já a implantação de vagas rápidas de drive-thru será realizada na noite desta quarta-feira (17), por meio de sinalização vertical e horizontal (solo). Serão 16 vagas rápidas na Rua Onze de Agosto e 15 na Rua Visconde do Rio Branco. A sinalização permite a parada de 30 minutos. Lá, os comerciantes poderão entregar produtos a clientes que compram por meio de e-commerce ou por aplicativos. Vale destacar que o comércio de rua em Campinas funciona do meio-dia às 16h. Aos sábados das 9h às 13h.



Na semana passada, com a reabertura do comércio na cidade após mais de 70 dias fechado, a Rua 13 de Maio registrou o fluxo de 325 mil pessoas em apenas cinco dias e chamou a atenção de autoridades de saúde do Município devido ao risco de contágio do novo coronavirus. Até o último boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura na tarde de ontem Campinas tinha 4.392 casos confirmados da doença com 164 mortes - os números divulgados ontem foram os piores já divulgados na cidade desde o início da pandemia. Novos números da doença serão divulgados ainda na tarde de hoje.

A implantação da sinalização de solo foi decidia pela Prefeitura após uma reunião com entidades do comércio na última segunda-feira. Além da organização do fluxo dos pedestres na via, ficou definido que a Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas) iria fazer um estudo para definir os pontos de vias da área central que vão servir de drive-thru para lojas do Centro que não possuem espaços para estacionar.

"O drive thru é a entrega do produto diretamente no veículo. A Emdec está estudando alguns locais que podem servir para o carro parar e, dessa forma, nenhum comerciante ser prejudicado", explicou o prefeito Jonas Donizette (PSB) na segunda-feira quando fez o anúncio das medidas no local.  



Na mesma reunião lojistas e Prefeitura informaram que iriam reforçar as campanhas de conscientização, para que, além das ações tomadas pelo Poder Público e pelos lojistas, a população também contribua e respeite as regras sanitárias e de distanciamento social.

"Ainda estamos em quarentena e temos de seguir as regras. Por isso, importante sair com responsabilidade e evitar aglomeração quando for ao comércio", disse o prefeito.

As lojas estão organizando formas para atender, separadamente, os consumidores que vão apenas pagar contas e carnês e os que vão comprar. A pedido, a fiscalização será intensificada para verificar o cumprimento das regras pelos lojistas.

Em conversa com os comerciantes, o prefeito disse que foi descartada a colocação de gradis na Rua 13 de Maio para controlar o fluxo de pessoas, porque poderia gerar mais aglomeração.

Mais notícias


Publicidade