Aguarde...

cotidiano

Covid-19: Campinas tem mais 25 mortes e passa 600 vítimas fatais

Cidade tem no total 603 mortes confirmadas, e 14.962 pessoas que já foram infectadas

| ACidadeON Campinas

Prefeitura atualizou nesta quinta-feira os números da doença na cidade (Foto: Luciano Claudino/ Código19)


Campinas atualizou na manhã de hoje (23) os números da covid-19 na cidade. O novo boletim registra mais 25 mortes confirmadas, e o aumento de 469 casos registrados da doença. Com a atualização, a cidade chegou ao número de 603 óbitos, e o total de 14.962 casos confirmados.

Entre as novas vítimas fatais da doença estão 13 mulheres e 12 homens. Segunda a Saúde, três das vítimas não tinham outras doenças, e cinco tinham menos de 60 anos (veja a relação completa abaixo).

Ainda segundo o novo boletim, a cidade tem 27 mortes suspeitas da doença, e contabiliza 699 casos em investigação.

Entre o número de casos confirmados, 470 pessoas estão internadas nos hospitais da cidade (27 a mais que o boletim divulgado ontem). Outras 999 estão em isolamento domiciliar, e 12.890 já estão curadas.

Vítimas fatais registradas hoje:

Homem, de 66 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 19 de julho em hospital privado. o exame foi feito em laboratório privado.

Mulher, de 71 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 20 de julho em hospital privado. o exame foi feito em laboratório privado.

Homem, de 38 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 15 de julho em hospital privado. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Mulher, de 70 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 21 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Mulher, de 90 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Homem, de 83 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 18 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

Homem, de 41 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 21 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

Mulher, de 69 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 19 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

Homem, de 68 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 16 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Homem, de 73 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Mulher, de 86 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 13 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Mulher, de 79 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Homem, de 70 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 17 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Mulher, de 71 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 19 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Mulher, de 68 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Mulher, de 87 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 18 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Mulher, de 62 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 21 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Homem, de 80 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 14 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Homem, de 57 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 19 de julho em hospital público. o exame foi feito no instituto Adolfo Lutz.

Mulher, de 71 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

Homem, de 64 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 15 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Mulher, de 38 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 30 de junho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

Homem, de 67 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

Homem, de 32 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 17 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Mulher, de 65 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

Mais do ACidade ON