Aguarde...

cotidiano

Ocupação de UTI-covid em Campinas cai e está em 59,12%

Na segunda-feira (26), taxa era de 60,22%; hoje, cidade tem 74 leitos livres para pacientes graves de covid-19

| ACidadeON Campinas

O Hospital Mário Gatti, em Campinas (Foto: Carlos Bassan/PMC) 

A taxa de ocupação dos leitos complexos exclusivos para pacientes graves de covid-19 caiu nesta terça-feira (27) em comparação com o dia anterior. Hoje, a taxa de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) está em 59,12% contra 60,22% na segunda-feira.

No total, Campinas tem 181 leitos de UTI exclusivos para pacientes com covid-19 nas redes pública e particular. Deste total, 107 estão ocupados, o que corresponde a 59,12%. Há 74 leitos livres somando as redes pública e particular.

Ainda nesta terça, Campinas confirmou mais cinco mortes pelo novo coronavírus e 37.430 casos confirmados. Entre esses casos confirmados, 35.714 pessoas já se recuperaram, 225 permanecem internadas nos hospitais da cidade, e 176 estão em isolamento domiciliar.

Em relação aos leitos de UTI-covid, eles estão divididos da seguinte forma:

SUS Municipal: 85 leitos, dos quais 39 estão ocupados, o que equivale a 45,88%. Há 46 leitos livres.

SUS Estadual: 30 leitos, dos quais 22 estão ocupados, o que corresponde a 73,33%. Há 8 leitos vagos.

Particular: 66 leitos, dos quais 46 estão ocupados, o que equivale a 69,70%. Há 20 leitos livres.



Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON