Aguarde...

cotidiano

Saúde vacina uma das pessoas mais velhas a receberem o imunizante em Campinas

Enquanto a vacinação não abre para os novos grupos, em Campinas a vacinação segue para idosos do grupo acima de 85 anos

| ACidadeON Campinas

Imunização aconteceu na casa de idosa. (Foto: Divulgação/Prefeitura de Campinas)
 

A secretaria de Saúde de Campinas segue com o agendamento aberto para aplicação de doses de vacina contra a covid-19 para idosos com idade a partir de 85 anos. Para fazer o agendamento basta clicar aqui.

A ampliação da vacinação para novos grupos na cidade será realizada de acordo com o repasse de novas doses determinada pela secretaria de Estado da Saúde. Desde a semana passada Campinas não tem recebido novas doses e quando isso ocorrer as novas datas e grupos serão anunciados. 
 
IDOSA DE 106 ANOS

Enquanto a vacinação não abre para os novos grupos, em Campinas a vacinação segue para idosos do grupo acima de 85 anos. Hoje foi a vez da dona Laura Raimunda Pinto que completou 106 anos no começo deste mês e nesta terça-feira (23) recebeu em sua casa a primeira dose da vacina contra a covid-19. Segundo a Prefeitura, ela é uma das pessoas mais velhas a receberem a vacina em Campinas.

Ela foi vacinada dentro da estratégia de imunização para idosos acamados e domiciliados feita pela pasta de Saúde. Além dela, também foi vacinada sua cuidadora principal e filha, Miralva Selma Pinto.

"Ela é muito corajosa e guerreira", contou Marialva sobre Dona Laura. Mãe de 11 filhos, sendo nove vivos, 42 netos e 16 bisnetos, ela é descrita como corajosa e guerreira pelos familiares. "A pessoa não pode esmorecer", disse a idosa. Para a filha, que estava visivelmente emocionada, o próximo passo também será recebido com alegria. "Estou muito feliz e protegida, agora se Deus quiser nós vamos tomar a próxima dose", disse.

As vacinas foram aplicadas pela enfermeira Gabriela Matsuo Friedlander de Aquino, coordenadora do Centro de Saúde Aeroporto, no qual a família é atendida. "É gratificante presenciar a emoção dos pacientes ao receberem a vacina, é como um fechamento de um ciclo. Além disso, vemos a dedicação e o empenho dos profissionais de saúde que estão organizando a imunização".

A coordenadora conta que as vacinas são buscadas pela equipe do Centro de Saúde de acordo com a lista de pacientes e seus cuidadores que serão imunizados. Apenas um cuidador por idoso acamado ou domiciliado o principal responsável pelo seu cuidado recebe a vacina.

As doses são dispensadas por turno, de manhã e à tarde, e saem com escolta, levadas dentro de caixas térmicas. Elas são manipuladas na frente dos pacientes. Dose aplicada, quem recebeu a imunização também ganha um comprovante de que está vacinado e já com a data da segunda dose.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON