cotidiano

Especial coronavirus

São Paulo anuncia fase de transição, reabre comércio e permite cultos

Na próxima semana, no sábado, dia 24, haverá a liberação do setor de serviços que envolve restaurantes, academias e salões de beleza

| ACidadeON Campinas -

Fase de transição no Plano São Paulo foi anunciada hoje (16) (Foto: Karen Fontes/Código19) 

O governo de São Paulo anunciou hoje (16) uma nova fase do Plano São Paulo de flexibilização da quarentena de combate ao coronavírus, chamada de "Fase de Transição". Nela haverá flexibilização das restrições durante duas semanas, com início no domingo (18). A partir deste dia, haverá a reabertura do comércio não essencial e do retorno dos cultos religiosos. O comércio poderá funcionar das 11h às 19h.

Na próxima semana, no sábado, dia 24, haverá a liberação do setor de serviços que envolve restaurantes, academias e salões de beleza. Ainda durante a fase de transição o toque de recolher vai ser mantido, assim como o teletrabalho para atividades administrativas. O escalonamento da entrada e saída de atividades (comércio, serviços e indústrias) também é uma regra única para todo o estado.

Além disso, está permitido o funcionamento desde que com limite de 25% de ocupação e aplicação rígida de protocolos sanitários. "A medida é válida para as próximas duas semanas com vigência em todo o Estado de São Paulo. Agradecemos o apoio da população e as conquistas que estamos obtendo na pandemia", disse o vice-governador Rodrigo Garcia. Segundo ele, as duas ferramentas para enfrentar a crise sanitária são a vacina e as medidas de restrição.
 
ASSISTA O ANÚNCIO AQUI

"Essa é a segunda semana consecutiva de quedas em internações. Baixamos 10% o número de internações. E se compararmos com as duas últimas semanas tivemos queda de 17,4%", disse o secretário de Saúde do estado Jean Gorinchteyn. 
 
"O Centro de Contingência permitiu um nível transição de atividades que estavam suspensas, entendendo que a sociedade tem necessidades. É preciso que todos sobrevivamos. Nesse sentido que tomamos essa decisão", disse o coordenador do Centro, Paulo Menezes.   

EM CAMPINAS

O prefeito de Campinas Dário Saadi (Republicanos) retificou a nova fase na cidade. O decreto municipal com as medidas será publicado em edição extraordinária do Diário Oficial nesse sábado.   
 
"Precisamos manter a atenção especial e todos os cuidados possíveis, mesmo com essa flexibilização. Campinas, graças à adesão da população, está em uma situação mais controlada, mas não é hora de baixar a guarda", disse Dário Saadi (Republicanos).

 

VEJA REGRAS DA NOVA FASE DE TRANSIÇÃO 

18 A 23 DE ABRIL 

- Atividades comerciais (11h às 19h) 

- Atividades religiosas (com restrições) 

24 a 30 DE ABRIL 

- Atividades comerciais (11h às 19h) 

- Atividades religiosas (com restrições) 

- Restaurantes e similares (11h às 19h)  - Função de bares não pode ser desempenhada, apenas se servir refeições e funcionar como restaurante 

- Salão de beleza e barbearia (11h às 19h) 

- Atividades culturais (11h às 19h) 

- Academias (7h às 11h e 15h às 19h) 

REGRAS GERAIS 

- 25% da capacidade de ocupação do estabelecimento e aplicação de protocolos sanitários 

- Toque de Recolher das 20h às 5h 

- Teletrabalho para atividades administrativas não essenciais 

- Escalonamento do horário de entrada e saída de atividades do comércio, serviços e industrias

Mais notícias


Publicidade