cotidiano

Especial coronavirus

Operação dispersa 422 pessoas em Campinas e fecha quatro estabelecimentos

A partir de hoje hoje e durante o domingo, o patrulhamento terá início à meia-noite, e a operação termina às 5h

| ACidadeON Campinas -

Operação acontece durante a madrugada para evitar aglomerações (Foto: Carlos Bassan/ Prefeitura de Campinas)

A Guarda Municipal de Campinas dispersou 442 pessoas entre às 23h de ontem (30) e a manhã deste sábado (31) durante a operação 'Aglomeração Zero', que tem como objetivo coibir ou dispersar em vias públicas, praças e nas proximidades de bares grupos de pessoas em situação de aglomeração. Ontem, as equipes de fiscalização também vistoriaram 88 estabelecimentos comerciais, dos quais quatro foram fechados.

Coordenada pela Secretaria Municipal de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública, a Operação Aglomeração Zero é realizada no período em que vale o toque de recolher na cidade.   

LEIA TAMBÉM 
Obra deixa 38 bairros de Campinas sem água neste domingo; veja lista 
Campinas registrou sensação térmica de -3ºC na madrugada deste sábado

A partir de hoje hoje e durante o domingo, o patrulhamento terá início à meia-noite, e a operação termina às 5h. A alteração no horário se deve a mudança na fase de transição do Plano São Paulo, que permite o funcionamento das atividades econômicas até meia-noite a partir de domingo.

A Aglomeração Zero é um reforço no patrulhamento de viaturas e efetivo em locais, mapeados pela GM a partir de dados estatísticos, que costumam reunir grupos grandes de pessoas sem distanciamento social. 

No último fim de semana, ao todo foram 6.573 pessoas dispersadas entre a noite de sexta-feira (23) até a manhã de segunda-feira (26). Durante o período, ao todo 329 estabelecimentos comerciais foram vistoriados pela equipe de fiscalização, sendo que 13 foram fechados.


Mais notícias


Publicidade