Aguarde...

cotidiano

Polícia de Campinas identifica homem que usa app de encontros para roubar

O suspeito roubou um homem após marcar o encontro pelo aplicativo; ele também é suspeito de estupro

| ACidadeON Campinas

Homem foi identificado e é do estado do Rio Grande do Norte (Foto: Divulgação/Polícia Civil) 

A Polícia Civil de Campinas identificou e conseguiu um mandado de prisão contra um homem que utiliza aplicativo de relacionamentos para roubar as vítimas. A investigação está sendo conduzida pela equipe do 13º DP (Distrito Policial).

Em maio de 2019, um cabeleireiro que reside em Portugal estava hospedado em um apartamento no Cambuí, quando combinou um encontro com o autor, que havia conhecido em um aplicativo de relacionamentos.

Durante o encontro, o autor colocou uma tesoura no pescoço da vítima e a obrigou a efetuar transferências de R$ 4 mil, além de roubar também o celular e tênis.

O autor utilizava-se de um perfil falso nas redes sociais com o nome de Alielson Toretto Anjos. De acordo com a Polícia Civil, houve dificuldade na identificação por conta do autor ser do Rio Grande do Norte e não possuir nenhum documento ou informação criminal em São Paulo.

ESTUPRO

Além do crime de roubo, o criminoso também é apontado como autor de um estupro em julho de 2019. A vítima, um homem de 26 anos, foi estuprada na sua própria casa, após ter sido ameaçada.

Até a publicação da reportagem, o autor não havia sido preso.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON