ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Casal mata idosa de 70 anos com fogo e pedaço de pau

A mulher morava sozinha e sofria de Mal de Alzheimer. O casal conhecia a idosa

| ACidadeON/Campinas

Local onde estava corpo de idosa. (Foto: Divulgação)

Um casal foi preso na madrugada deste domingo (8), em Jaguariúna, acusado de atear fogo e matar uma idosa de 70 anos para ficar com a casa onde ela morava. O caso aconteceu no final de maio, porém o casal confessou o crime na madrugada deste domingo. O corpo foi encontrado nesta manhã. A mulher morava sozinha e sofria de Mal de Alzheimer. O casal conhecia a idosa.

O crime foi cometido, segundo a Polícia Militar, por Geovanne Clayton Venâncio, de 20 anos e Tamires Raine Silva Caiado, de 21. Eles estão presos na delegacia do município e devem ser acusados de homicídio e ocultação de cadáver. Eles tiveram prisão temporária de cinco dias decretada.

Segundo a polícia, eles bateram e ateram fogo na idosa para ficar com a casa dela no bairro Jardim Europa. Eles ainda jogaram o corpo da mulher em um rio que corta a cidade. O corpo foi localizado hoje (8) depois de uma semana dentro da água na estrada que faz ligação dos bairros Silvio Rinaldi Dois e São José.
 

Casal foi preso pela polícia. (Foto: Divulgação/PM)

Ainda segundo a PM, os policiais chegaram até eles após o casal se desentender em uma festa e a mulher sair caminhando na rua. O homem foi atrás dela e os dois começaram a brigar. Uma viatura da PM percebeu a briga e abordou o casal. A mulher disse aos policiais que o homem havia matado uma pessoa. Eles foram levados ao local do crime.

Para a polícia o casal afirmou que conhecia a idosa e foi até a casa dela no Jardim Europa e a chamou para fazer uma visita a casa de uma amiga em comum. A mulher foi com eles. Quando chegaram perto de um córrego, o homem a empurrou no barranco, que tem a altura de quatro metros, e vendo que a mulher sobreviveu, foi até um posto de combustível onde comprou etanol e voltou ao local para jogar na idosa e em seguida ateou fogo.  O acusado inclusive teve queimaduras em uma das pernas.

A mulher caiu na água e o fogo apagou, na sequência o acusado pegou um pedaço de pau e bateu na cabeça dela que ficou com o rosto submerso na água. Depois disso eles fugiram.  

Casal foi preso pela polícia. (Foto: Divulgação/PM)


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Veja também