Aguarde...

ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Homem é preso após sequestrar e agredir esposa grávida

Ele chegou a denunciar o sumiço da mulher e afirmou que ela tinha sido vítima de sequestro por uma dupla de pescadores

| ACidadeON Campinas

Ele chegou a denunciar o sumiço da mulher e afirmou que ela tinha sido vítima de sequestro 

A Polícia de Piracicaba prendeu, nesta quarta-feira (14) um homem suspeito de amarrar, amordaçar, agredir com socos e um facão e tentar matar a esposa grávida. Ele chegou a denunciar o sumiço da mulher e afirmou que ela tinha sido vítima de sequestro.

Quando ele fez essa denúncia, o polícia militar desconfiou porque ele estava com sinais de arranhões no braço e pescoço. Ele indicou um local no meio de uma mata próximo ao Rio Piracicaba.

Ele contou aos policiais que chegou até esse local porque rastreou o celular da esposa com aplicativo. O homem pegou o carro dele foi até o local e derrubou um portão num local onde os pescadores usam pra guardar tralha de pesca.

Quando chegou viu a mulher no meio da mata gritando por socorro. Junto estavam dois homens, mas não soube informar nenhuma característica deles.

Ele chamou a PM, que começou as buscas até chegar na maternidade do Hospital dos Fornecedores de Cana. Na unidade a mulher contou que sofreu tortura por parte do marido, que ele teria amordaçado ela, tentado afogá-la e jogá-la no poço.

A mulher denunciou que o homem deu socos no rosto, machucado o pé com facão e foi amarrada pelas mãos e pés. Ela conseguiu fugir pelo rio.

O caso foi apresentado na DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) de Piracicaba.