Aguarde...

cotidiano

Indaiatuba confirma 17 casos suspeitos de sarampo

Região tem 10 casos confirmados da doença; em Indaiatuba, dois foram confirmados na segunda quinzena de julho

| ACidadeON Campinas

Cidade tem dois casos confirmados até agora (Foto: Divulgação)  
A cidade de Indaiatuba confirmou que tem 17 casos em análise de sarampo - além dos dois já confirmados desde o dia 19 de julho. Segundo a Prefeitura da cidade, não há novas confirmações, por enquanto, no município.

A Administração não informou no boletim epidemiológico quais eram os bairros dos casos, mas disse que realizou bloqueio vacinal nas famílias e no entorno dos pacientes.

Já os casos confirmados foram classificados como importado residente e outro autóctone na segunda quinzena de junho. O primeiro caso é de um menino de 10 anos, morador no bairro Jardim Paulista II com duas doses da vacina tríplice viral, histórico de viagem recente para São Paulo capital e estudante da E.E Annunziatta Leonilda Virginelli Prado.

O segundo caso é uma menina de 1 ano que não frequenta creche e não tem histórico de viagem. Ela é moradora no bairro Nova Veneza. A criança apresentou os sintomas em maio e foi atendida em unidade de saúde privada em Salto. A notificação chegou na segunda quinzena de junho por meio de laboratório particular. De acordo com a Vigilância Epidemiológica de Indaiatuba, há mais um caso em investigação. Em ambos os casos, as vítimas tinham as duas doses da vacina anti-sarampo. Eles estão bem.

REGIÃO

O último caso confirmado de sarampo na região foi em Jaguariúna, no dia 31 de julho. Com ele, sobe para dez o número de pessoas com sarampo na RMC (Região Metropolitana de Campinas). Outras cinco cidades tiveram casos da doença este ano. Campinas está com quatro casos, Indaiatuba com dois e Hortolândia, um. Ainda nesta semana, Americana e Sumaré também confirmaram casos, um em cada cidade. Outros 21 casos suspeitos estão sendo investigados na região.

Mais do ACidade ON