Aguarde...

Vacinas

Campinas faz 6º 'Dia D' de vacinação neste sábado, com meta de imunizar 30,4 mil

Vão receber a dose neste sábado pessoas a partir de 35 anos e outros grupos prioritários contemplados pela campanha municipal

| ACidadeON Campinas


Aplicação de vacina contra a covid-19 em Campinas (Foto: Denny Cesare/Código19)
Campinas realiza neste sábado (17) o sexto 'Dia D' de vacinação contra a covid-19, com meta de vacinar 30,4 mil moradores que agendaram a imunização. As vagas para o mutirão de hoje foram anunciadas na última segunda-feira (12).  

LEIA TAMBÉM 
Campinas suspende novos agendamentos da vacina por falta de doses

O agendamento foi feito pelo site (vacina.campinas.sp.gov.br) ou pelo telefone 160. Vale lembrar que os moradores que agendaram a imunização e não comparecerem no horário agendado ficarão suspensos por 30 dias no sistema. Caso a pessoa não concorde, deve apresentar recursos no Protocolo Geral da Prefeitura. 

Neste sábado, 60 centros de saúde estarão abertos para atender à população agendada para a data. Só não participarão do Dia D as unidades do DIC 6, Rossin, Santos Dumont, Eulina, Carlos Gomes, Campina Grande e Boa Esperança. 

RECORDES

Nos cinco Dias D já feitos, foram aplicadas ao todo 131.106 doses na cidade. As ações foram realizadas em 22 de maio, 4, 12 e 19 de junho e 9 de julho, e cada edição superou os números das anteriores, batendo recorde de vacinas aplicadas em um só dia. 

O último Dia, D, feito no último sábado (19) vacinou 31.002 pessoas. O número de doses aplicadas é o maior até agora. 

Apesar dos esforços, o último boletim divulgado pela secretaria de Saúde apontou uma cobertura vacinal ainda baixa em algumas faixas etárias, como era o caso do grupo entre 50 e 54 anos.

Até 13 de julho, o último levantamento realizado pelo departamento apontou que 65.907 das 74.544 pessoas nesta faixa etária haviam sido vacinadas, o que representa uma cobertura de 88,4%. 

"É muito importante que as pessoas façam o agendamento e recebam  a vacina. Só com muitos pessoas imunizadas vamos conseguir diminuir a circulação do vírus e, com isso, evitar o desenvolvimento de novas variantes", alertou a diretora do Devisa (Departamento de Vigilância em Saúde), Andrea von Zuben. 

O QUE PRECISA? 

Os documentos necessários para cada grupo devem ser consultados no portal do agendamento. É importante que as pessoas cheguem, no máximo, com 10 minutos de antecedência para evitar aglomerações. 

Não há possibilidade de escolha da vacina, mesmo com prescrição ou encaminhamento médico. A pessoa que se recusar a receber a dose terá que assinar um documento de recusa e irá para o final da fila de imunização. 

QUEM PODE SE VACINAR NA CIDADE?   

- Pessoas com 33 anos ou mais (Neste sábado e na próxima quinta e sexta-feira em vagas que foram remanescentes)
- Pessoas com 35 anos ou mais- Xepa da vacina (conforme sobra da vacina): lactantes com 18 anos ou mais 
- Pessoas com comorbidades (doenças prévias), com 18 anos ou mais 
- Pessoas com deficiência permanente grave que recebem o BPC (Benefício de Prestação Continuada) com 18 anos ou mais 
- Pacientes em terapia renal substitutiva e pacientes transplantados: coração pulmão, rim, fígado ou pâncreas, com 18 anos ou mais 
- Todas as gestantes e puérperas (quem teve filho nos últimos 45 dias) com 18 anos ou mais 
- Profissionais de Educação com 18 anos ou mais 
- Motoristas e cobradores de ônibus municipal


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON