cotidiano

Ministério da Saúde libera dose de reforço a todos os adultos e reduz intervalo

Até então, a aplicação da dose adicional estava liberada apenas para pessoas acima de 60 anos, imunossuprimidos e profissionais de saúde

| ACidadeON Campinas -

Ministério da Saúde anuncia redução do intervalo da dose de reforço. (Foto: Reprodução/twitter Ministério da Saúde)


O Ministério da Saúde anunciou hoje (16) que todos os adultos poderão ser vacinados com a dose de reforço, ou 3ª dose, contra a covid-19 após cinco meses da aplicação da segunda dose da vacina. Até então, a aplicação da dose adicional estava liberada apenas para pessoas acima de 60 anos, imunossuprimidos e profissionais de saúde.

O anúncio foi feito pelo ministro da Saúde Marcelo Queiroga em Brasília. Ele ainda confirmou a redução no intervalo da aplicação da dose de reforço de seis para cinco meses. Assim, toda a população com mais de 18 anos está apta a ser vacinada com a dose adicional após esse intervalo.

Segundo o Ministério da Saúde, em novembro, mais de 12,4 milhões de brasileiros estão aptos a tomar a dose de reforço.

"Agora, graças a informações que temos advindas de estudo científicos e de efetividade, decidimos ampliar a dose de reforço para todos aquelas pessoas acima de 18 anos que tenham tomado a segunda dose há mais de cinco meses", afirmou o ministro. 

Em Campinas, a secretaria de Saúde informou que "aguarda posicionamento e comunicação oficial do estado" sobre a aplicação da dose de reforço em todos os adultos.

MEGAVACINAÇÃO 

Também nesta terça, a pasta anunciou a campanha de megavacinação contra a Covid-19, que tem como objetivo informar a população sobre a importância de completar o esquema vacinal contra a Covid-19. O Brasil tem quase 59% da população totalmente imunizada.

Segundo a pasta, 21 milhões de brasileiros ainda não completaram a vacinação. A campanha vai de 20 a 26 de novembro.  
 
Em breve mais informações

Mais notícias


Publicidade