cotidiano

Campinas vacina sem agendamento em dois locais neste sábado

Doses estão disponíveis no Campinas Shopping e no CS Santa Odila; veja como receber a vacina

| ACidadeON Campinas -

Vacina contra a covid-19 (Foto: Denny Cesare/Código19)
 

A secretaria de Saúde de Campinas disponibilizou neste sábado (20) cerca de 800 doses das vacinas contra a covid-19 para aplicações sem agendamento.

As ações do programa "Campinas Vacina Mais" acontecem no Campinas Shopping e no CS (Centro de Saúde) Santa Odila (confira abaixo os endereços e horários).

De acordo com a pasta, cada local deve ter, em média, 400 imunizantes. Os interessados precisam levar o CPF e um comprovante de endereço na cidade.

No caso de segunda dose ou dose adicional é necessário que os moradores comprovem o intervalo com o cartão de vacinação (entenda mais abaixo).

Nas edições anteriores do "Campinas Vacina Mais", realizadas em vários locais, foram aplicadas mais de 8,8 mil doses do imunizante contra a covid-19.

LOCAIS E HORÁRIOS

- CS Santa Odila das 8h às 17h Rua Beato Marcelino Champagnat, 187 - Vila Joaquim Inácio;

- Campinas Shopping das 14h às 19h - Rua Jacy Teixeira de Camargo, 940 Jardim do Lago.

INTERVALO

Serão aplicadas em cada ponto de vacinação as primeiras, segundas e as doses adicionais dos imunizantes contra a doença. Os procedimentos levam em conta os intervalos específicos definidos pelo PEI (Programa Estadual de Imunização):

- Pfizer - Para receber a segunda dose da Pfizer é preciso um intervalo de pelo menos 21 dias (três semanas) para pessoas a partir de 18 anos. No caso de adolescentes, o intervalo é a partir de oito semanas.

- Astrazeneca - O intervalo entre as doses da vacina da Astrazeneca é de, no mínimo, oito semanas.

- CoronaVac - O intervalo entre as doses da vacina CoronaVac é de quatro semanas.

- Dose adicional - Idosos a partir de 60 anos e trabalhadores da saúde (incluindo estudantes do ensino superior ou área técnica que fazem residência/estágio em hospitais ou Atenção Básica ou clínicas e laboratórios de saúde humana) precisam ter completado o esquema vacinal há pelo menos seis meses. Pessoas com alto grau de imunossupressão podem receber a dose adicional a partir de 28 dias da segunda dose.

Mais notícias


Publicidade