cotidiano

Dia D: Campinas espera vacinar hoje 35 mil com a dose adicional

Moradores que fizeram agendamento receberão imunizantes das 8h às 17h

| ACidadeON Campinas -

Vacinação em Campinas (Foto: Divulgação/PMC)
 

A secretaria de Saúde de Campinas realiza neste sábado (15) o Dia D para aplicação da dose adicional contra a covid-19. Foram abertas 35.644 vagas através de agendamento. 

As aplicações acontecem em 57 CSs (centros de saúde) da cidade, das 8h às 17h, e uma divulgação oficial sobre o número de imunizados deve ser feita pela secretaria de Saúde no final do dia. 

Os moradores que escolheram um local e marcaram horário devem chegar com 10 minutos de antecedência, apresentar a carteira de vacinação, CPF e documento com foto. 

Os imunizantes são oferecidos às pessoas com 18 anos ou mais, que já tenham recebido as duas doses da Coronavac, ou das vacinas Astrazeneca e Pfizer há quatro meses. 

No caso daqueles que se imunizaram com a vacina em dose única da Pfizer, o intervalo é de dois meses. Já para imunossuprimidos, o intervalo é de 28 dias, independente da vacina. 

CRIANÇAS 

Enquanto a vacinação de idosos, adultos e adolescentes tem avançado, a imunização de crianças de 5 a 11 anos contra a covid-19 só deve começar nesta próxima semana. Segundo a pasta de Saúde, o agendamento será aberto às 15h desta segunda-feira (17). 

O início do processo foi anunciado pela Prefeitura de Campinas após a chegada de 5.390 doses pediátricas da Pfizer à cidade na tarde de sexta (14). A ideia, segundo o comunicado, é que as equipes da secretaria montem as grades de vacinas entre hoje e amanhã (16). 

Ainda de acordo com a Administração, o município também deve seguir as prioridades definidas pelo PEI (Programa Estadual de Imunização). Entre elas, doenças prévias e deficiência. A população dos 5 aos 11 anos em Campinas é estimada em 112.275 pessoas. 

Confira a lista de comorbidades abaixo: 

- Insuficiência cardíaca
- Cor-pulmonale e hipertensão pulmonar
- Cardiopatia hipertensiva
- Síndromes coronarianas
- Valvopatias
- Miocardiopatias e pericardiopatias
- Doenças da aorta, grandes vasos e fístulas arteriovenosas
- Arritmias cardíacas
- Cardiopatias congênitas
- Próteses e implantes cardíacos
- Talassemia
- Síndrome de Down
- Diabetes mellitus
- Pneumopatias crônicas graves
- Hipertensão arterial resistente e de artéria estágio 3
- Hipertensão estágios 1 e 2 com lesão e órgão alvo
- Doença cerebrovascular
- Doença renal crônica
- Imunossuprimidos (incluindo pacientes oncológicos)
- Anemia falciforme
- Obesidade mórbida
- Cirrose hepática
- HIV

Mais notícias


Publicidade