cotidiano

São Paulo inicia vacinação com Coronavac e divulga calendário

Aplicações dos 9 aos 11 anos acontecem até o dia 30; vacinação dos 5 aos 8 anos ocorre de 31 de janeiro a 10 de fevereiro

| ACidadeON Campinas -

Primeiras crianças receberam a Coronavac na tarde desta quinta (Imagem: Governo de São Paulo)
 

O governo de São Paulo prometeu nesta quinta-feira (20) a aplicação da primeira dose contra a covid-19 em crianças dos grupos prioritários até 10 de fevereiro (veja abaixo). 

O anúncio aconteceu logo após a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovar o uso da Coronavac por menores de seis a 11 anos em todo o Brasil.

Com isso, crianças de cinco anos e imunossuprimidas de todas as idades devem tomar o imunizante da Pfizer no estado. Já os menores dos 6 aos 11 receberão a Coronavac.

De acordo com o governador João Doria (PSDB), 8 milhões de imunizantes do Instituto Butantan serão imediatemente distribuídos e utilizados pelos 645 municípios paulistas. 

A aplicação da dose inicial com a Coronavac, inclusive, começou já nesta quinta, com a imunização de 100 alunos da Escola Estadual Brigadeiro Faria Lima, na capital.  

Caetano de Jesus Martins Moreira, de 9 anos, e Camila Pastore, de 10, foram os primeiros moradores do estado nesta faixa etária a receber a Coronavac. 

Além do território paulista, o governo estadual também vai oferecer outras 7 milhões de doses a outros estados e prefeituras que tiverem interesse na vacina do Butantan.

CALENDÁRIO

20/jan a 30/jan - 1ª dose 

- Crianças de 9 a 11 anos de idade sem comorbidades

- Crianças de 5 a 11 anos com comorbidades, deficiências, indígenas e quilombolas

31/jan a 10/fev - 1ª dose 

- Crianças de 5 a 8 anos de idade sem comorbidades

- Crianças de 5 a 11 anos com comorbidades, deficiências, indígenas e quilombolas

Publicidade