Aguarde...

Apoio:

cotidiano

Feira mostra força agrícola e atrai turistas a Indaiatuba

Ponto Verde divulga produção local e recebe visitantes até de fora do país; cidade compõe o Circuito das Frutas estadual

| Especial para ACidade ON

Vista aérea do Ponto Verde, onde funciona a Feira de Agricultura Familiar, em Itaici. (Foto: Giuliano Miranda/Arquivo Prefeitura)

Cidade cada vez mais industrial e tecnológica, Indaiatuba ainda guarda atrativos na área rural, com potencial turístico em sítios e produção agrícola. Mesmo em ano de pandemia, que afetou as visitações, um dos espaços que manteve a divulgação desse segmento na cidade foi a Feira de Agricultura Familiar, no chamado Ponto Verde, em Itaici.

Desde 2002, Indaiatuba integra o Circuito das Frutas, que reúne também produtores de Atibaia, Itatiba, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Louveira, Morungaba, Valinhos e Vinhedo, e tem roteiros divulgados pelo governo estadual. Em vídeo divulgado este ano no link Cultura On Line, do site da Prefeitura, o município mostra um "passeio rural virtual" e divulga contatos de produtores. Este ano, a Administração previa lançar uma Rota Gastronômica, em parceria com produtores e empresários do setor de restaurantes, plano interrompido pela crise do coronavírus, mas que deverá ser retomado.  
 
Essa matéria faz parte do hotsite "Viva Indaiatuba" que o ACidade ON produziu em comemoração os 190 anos da cidade que acontece na quarta-feira, dia 9 de dezembro. Clique aqui e confira todas as matérias produzidas para a data!

Segundo Sidnei Mihok, presidente do Ponto Verde, a feira instalada há dois anos abre oportunidade à população de conhecer e conversar diretamente com os produtores, e já se estabeleceu como ponto turístico. "O movimento só tem melhorado, divulgamos, fazemos postagens. E muita gente de outras cidades tem vindo, até de fora do país. São estrangeiros com famílias na região. Uma menina daqui que mora no Japão, por exemplo, convidou amigos da Alemanha e Estados Unidos para conhecer o Ponto Verde. Conversaram muito comigo lá, fizeram degustação", afirma. Mihok vende milho verde, pamonha e cural no box que mantém com a esposa Alexandra.  

Produtores rurais expositores da feira reunidos em frente ao galpão. (Foto: Divulgação)
Mesmo na pandemia, a feira abriu em seus dias tradicionais por ser um serviço de alimentação. Neste fim de ano, o funcionamento estabelecido foi das 8h às 13h nas vésperas de Natal e Ano Novo (dias 24 e 31), e das 8h às 17h nos dias 23 e 30 de dezembro. O espaço fecha nos últimos fins de semana do ano: 26 e 27 de dezembro e 2 e 3 de janeiro. Fora do período de festas, os dias tradicionais de funcionamento são às quartas, das 16h às 20h, e sábados e domingos, das 8h às 13h.

Segundo a expositora Aparecida Poiani, mesmo com a pandemia o movimento este ano no local foi parecido com o de 2019, e o espaço abre oportunidade de atrair clientes e visitantes para os sítios produtores durante a semana. "Tem muita gente nova procurando a feira, moradores de São Paulo que têm chácara ao redor, de cidades da região e de bairros que ficam do outro lado de Indaiatuba", diz. "Quem não sai para viajar procura a gente, deixa de ir ao mercado pois na feira os produtos são frescos, duram muito mais", diz a produtora, que vende frutas e legumes.
 

Parreiras de uva em propriedade rural de Indaiatuba. (Foto: Eliandro Figueira)

Localizado na rua Francisco Araújo, ao lado da antiga Estação Ferroviária de Itaici, o Ponto Verde funciona em um barracão de 400m² composto por 20 boxes. Na feira, é possível encontrar produtos de apicultura, frutas da estação, verduras e legumes, vinhos, sucos, licores e cachaças artesanais, doces, massas, antepastos, ovos e mudas de plantas. Até a virada do ano, também conta com uma exposição de peças antigas. "Acabou virando um ponto de encontro, um espaço não só para compras", diz Mihok.

Segundo Censo Agropecuário do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), Indaiatuba tinha 332 estabelecimentos produtores de diversas especialidades em 2017, sendo a maioria deles (179) de produção de uva.

Mais do ACidade ON