Aguarde...

Economia

Apenas 42% já declarou imposto de renda em Campinas

Prazo final para entrega do documento foi estendido em dois meses

| ACidadeON Campinas

Aplicativo do Imposto de Renda estará disponível nesta quinta (Foto: Marcelo Casal Jr / Agência Brasil)

Apenas 42% dos contribuíntes de Campinas já declararam o Imposto de Renda 2020 à Receita Federal. Por causa da pandemia do novo coronavírus, o prazo final para a entrega da declaração foi estendida em dois meses. O prazo final para a entrega do documento é em 30 de junho.  

LEIA TAMBÉM 
De olho no IRPF: Saiba como evitar cair na malha fina


A Receita Federal espera receber 340.971 declarações de campineiros em 2020. Entretando, de acordo com o balanço divulgado nessa quinta-feira (4) pela Receita, apenas 144.564 foram entregues, equivalente a 42,39% do total.

A declaração é um documento obrigatório para todos os contribuíntes que receberam mais de R$ 28.559,70 em 2019.

Também deve declarar quem recebeu, em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou direitos sujeito à incidência de imposto, realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias e futuros e tem patrimônio de mais de R$ 300 mil.

PRORROGAÇÃO

Por causa da pandemia do novo coronavírus, o prazo de entrega da declaração do imposto de renda foi estendido por dois meses. O prazo final original para entregar o documento era em 30 de abril. O novo prazo é em 30 de junho

Os contribuíntes que não respeitarem o prazo terão de arcar com uma multa.

Apesar da mudança no prazo de entrega da declaração, o prazo de restituições será mantido pelo governo. Além disso, não serão mais sete lotes de restituição, como nos anos anteriores, mas, sim, cinco.

O 1º lote de restituição do imposto de renda está previsto para este mês, em 29 de maio. Confira abaixo o calendário de entrega completo:

1º lote - 29 de maio
2º lote - 30 de junho
3º lote - 31 de julho
4º lote - 31 de agosto
5º lote - 30 de setembro