Publicidade

economia

Aumento: em 12 meses, preço do óleo de soja aumenta 25,5%

Preço de litro chega a custar R$ 12 em alguns mercados; veja levantamento

| ACidadeON Campinas -

Óleo de cozinha em mercado (Foto: Reprodução/EPTV Campinas)

Nos últimos 12 meses, o preço do litro do óleo de soja aumentou 25,5%, segundo dados da Apas (Associação Paulista de Supermercados). Nas prateleiras do supermercado, o litro chega a custar R$ 12, pesando no bolso do consumidor.

De acordo com o estudo, somente em março o aumento registrado foi de 6,04%. Já nos últimos 12 meses a alta foi de 25,59% Neste ano, até abril, o aumento foi de 8,34% (veja mais dados abaixo).

Considerado um dos itens essenciais na cozinha de muitas famílias, o óleo de soja tem registrado aumento no preço desde março de 2020 em função da valorização das commodities (termo que corresponde a produtos básicos globais não industrializados).

Os preços das commodities são determinados pela oferta e procura internacional da mercadoria. A guerra na Ucrânia também provocou um choque na oferta do óleo de girassol, aumentando a procura pelo óleo de soja e de milho. Isso, consequentemente, fez aumentar o preço por conta da relação demanda e oferta.

A previsão, segundo a Apas, é que até setembro os preços dos óleos de cozinha voltem à estabilidade. O motivo é que a entrada no mercado das safras brasileira e norte-americana no mercado internacional deve diminuir a pressão sobre a cotação no mundo.

A Conab (Companhia Brasileira de Abastecimento) prevê estoques finais de óleo de girassol em 2022 até 120% mais altos do que no mesmo período do ano passado, o que também deve provocar alívio nos preços.

NO MERCADO

No mercados de Campinas, os consumidores têm sentido a alta do item essencial na cozinha. "Como uma família com uma renda baixa consegue ter um óleo desse? Completamente difícil. Porque a renda do povo brasileiro é muito pequena", disse a professora Mirian Gazetti.

Segundo a confeiteira Fernanda Giroldo, o produto é insubstituível na cozinha. "Não tem como ficar sem. Outras coisas conseguimos substituir, mas óleo não tem como. A gente usa para fazer tudo", disse.

De acordo com o vendedor Marcelo Morais, há dois anos o preço encontrado nas prateleiras era de R$ 2,40. "Hoje tá multiplicado o preço", afirmou.

LEVANTAMENTO

- Óleo de soja
Março teve aumento de 6,04%
Nos últimos 12 meses alta de 25,59%
Só em 2022 aumentou 8,34%

- Óleo de milho
Março teve aumento de 1,28%
Nos últimos 12 meses alta de 24,50%
Só em 2022 aumentou 1,61%

- Óleo de girassol

Março teve aumento de 2,66%
Nos últimos 12 meses alta de 23,76%
Só em 2022 aumentou 2,67%

Mais notícias


Publicidade