Aguarde...

ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

Esportes

Red Bull bate a Ponte e se despede de Campinas com título

Toro Loko venceu a Macaca nos pênaltis e venceu o Troféu do Interior pela primeira vez

| ACidadeON Campinas

Red Bull comemora título no Moisés Lucarelli (Foto: Luciano Claudino/Código 19) 

O Red Bull Brasil venceu a Ponte Preta na noite desta segunda-feira (15) e sagrou-se, pela primeira vez, campeão do Troféu do Interior do Campeonato Paulista. Foi o último jogo da equipe como mandante em Campinas - o time incorporou o Bragantino para disputa da Série B do Campeonato Brasileiro e passará a jogar em Bragança Paulista.

A vitória veio nos pênaltis, após o 0 a 0 no tempo normal. O placar nas cobranças ficou em 3 a 1, após quatro cobranças de cada lado - pela Ponte, erraram Thalles (para fora), Diego Renan e Luis Ricardo (defesas do goleiro Júlio César).

Além do troféu, a equipe também garantiu uma vaga na Copa do Brasil e R$ 360 mil.

O jogo foi disputado no Moisés Lucarelli, estádio da Ponte, que o Red Bull aluga para mandar seus jogos. Embora o Toro Loko fosse o mandante, a torcida da Ponte ocupou a maior parte do estádio, e a Macaca ficou com o vestiário de mandante. A partida foi disputada em jogo único após acordo das equipes com a Federação Paulista.

O JOGO

A partida começou movimentada, com boas chances para os dois lados. O Red Bull era superior e ameaçou Ivan em cabeçada de Claudinho logo aos 4 minutos e em belo chute de Aderlan, no minuto seguinte.

Quando acordou, a Ponte conseguiu sair da marcação do rival e levou perigo com os atacantes Thalles, aos 23 e 32 minutos, e Júlio César. O equilíbrio, no entanto, acabou aos 35 minutos, quando o mesmo Júlio César foi expulso por ofender o árbitro. Pela leitura labial, foi possível ver o juiz respondendo a queixa dos jogadores da Ponte dizendo "ele me mandou ir tomar no c...".

Com um a mais, o Red Bull retomou o domínio e quase marcou em cobrança de falta de Romário, aos 45 minutos.

No segundo tempo, com um a menos, a Ponte tratou de se defender, e o Red Bull se lançou ao ataque. O Toro Loko criou diversas chances, mas esbarrou em um inspirado Ivan ou na falta de pontaria de seus atacantes. Com 0 a 0, a partida acabou mesmo indo para os pênaltis. 


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON