Publicidade

esportes

Vôlei Renata supera Goiás e tem quarta vitória seguida na Superliga

Time campineiro conseguiu a quarta vitória seguida na Superliga Masculina na noite deste sábado

| ACidadeON Campinas -

O time campineiro derrotou o Goiás Vôlei, por 3 sets a 2 (Foto: Divulgação Vôlei Renata)

O Vôlei Renata conseguiu a quarta vitória seguida na Superliga Masculina na noite deste sábado (4). O time campineiro derrotou o Goiás Vôlei, por 3 sets a 2. O jogo, válido pela oitava rodada da competição nacional, aconteceu no Ginásio do Taquaral, em Campinas, e contou com a presença de mais de 2,1 mil torcedores.

Os sets terminaram em 25 a17; 26 a 28, 25 a18, 16 a 25 e 15 a 12. O líbero Alê foi eleito o melhor em quadra e faturou o troféu Viva/Vôlei.

Com 12 pontos na classificação, o Vôlei Renata volta a jogar contra o Farma Conde São José, na próxima quarta-feira (8), às 18h30, novamente no Ginásio do Taquaral, em Campinas. No final de semana, a equipe campineira vai até Montes Claros enfrentar a equipe da casa, no domingo (12), às 15 horas.

O campeão olímpico Evandro foi o maior pontuador do Vôlei Renata e do jogo com 17 acertos. O outro medalhista de ouro do elenco campineiro, o central Lucão com 15 pontos, sendo três de bloqueio. Aniversariante do final de semana, Judson terminou o duelo com 13 pontos, marcando em todos os fundamentos, anotando dois aces e dois bloqueios.

"Goiás jogou muito bem, foram agressivos no saque, mas no momento decisivo soubemos neutralizar os principais pontos deles, fomos inteligentes em alguns momentos. É uma vitória importante. Agora é seguir para buscar o ritmo de jogo ideal para a sequência que vamos ter", analisa o técnico Marcos Pacheco.

O JOGO   

O Vôlei Renata construiu o primeiro set de forma tranquila. Com Adriano no saque, o time campineiro pressionou o adversário e logo obrigou um pedido de tempo depois de sequência de três bloqueios seguidos, com Lucão, Evandro e Canuto (8 a 1). Na volta da paralisação, Judson surpreendeu o adversário tirando a força do saque e anotou ace.  

Os visitantes acordaram no jogo, mas os comandados do técnico Marcos Pacheco seguiram firmes no saque e frearam a reação em outro ace de Judson (18 a 11). Na reta final, Adriano, de volta depois de ser campeão Pan-Americano sub-23 com a Seleção Brasileira, assumiu o protagonismo, com bloqueio pela entrada (22 a 14) e explorando a marcação adversária para fechar a parcial: 25 a 17.

O segundo set foi truncado e equilibrado do começo ao fim. Os visitantes conseguiram controlar o placar em boa parte da parcial, mas os campineiros foram buscar na reta final em passagem de Adriano pelo saque. Com o saque forçado do ponteiro, o Vôlei Renata passou na frente em contra-ataque de Evandro (23 a 22). A equipe de Goiás aproveitou a sequência de erros da equipe da casa e deixou tudo igual: 28 a 26.

O equilíbrio foi mantido no terceiro set. As duas equipes trocaram pontos em boa parte da parcial. Evandro apareceu em momento decisivo para rodar contra-ataque e dar uma pequena folga para o Vôlei Renata no placar (14 a 12).  

Após pedido de tempo de Pacheco, os donos do Taquaral acertaram o sistema defensivo e otimizaram as oportunidades de contra-ataque com Evandro e Lucão para desgarrar no placar (20 a 17). Na sequência, Canuto ampliou em bloqueio simples (21 a 17). Com Nasser e Cristiano em quadra, na inversão do 5-1, a equipe campineira manteve o embalo e fechou em ace do levantador: 25 a 18.

Os campineiros não conseguiram manter o embalo no quarto set, abusaram dos erros e Goiás forçou o tiebreak fazendo 25 a 18. Apesar do começo ruim na parcial de desempate, o Vôlei Renata iniciou a reação em bloqueio de Lucão, que trouxe a diferença para apenas um ponto (4 a 3).  

Em passagem de González pelo saque, os donos do Taquaral viraram o marcador em contra-ataque de Temponi (8 a 7). O levantador campineiro estava inspirado no quinto set e, numa mistura de malandragem e sangue frio, deixou a bola passar depois de um passe alto para manter o time campineiro na frente (11 a 9). Em ataque de Lucão, a equipe da casa fechou: 15 a 12. 

*Com informações da assessoria do Vôlei Renata*

Mais notícias


Publicidade