Aguarde...

ACidadeON

Voltar

Política

Canudos de plástico agora são proibidos no Estado

Em Campinas o prefeito, Jonas Donizette (PSB), sancionou, a lei contra canudos de plástico em maio

| ACidadeON Campinas

Canudos de plástico são proibidos no Estado

O governador João Doria sancionou o Projeto de Lei que proíbe o fornecimento de canudos confeccionados em material plástico no Estado de São Paulo. O PL é de autoria do deputado Rogério Nogueira (DEM) e veda a distribuição destes materiais em hotéis, bares, restaurantes, padarias, clubes, entre outros.

Em Campinas o prefeito, Jonas Donizette (PSB), sancionou, a lei contra canudos de plástico em maio. Na cidade os comerciantes têm até agosto para eliminarem o produto. Os comércios que não cumprirem a obrigação serão advertidos para que, no prazo de 30 dias, se adaptem, caso haja reincidência, será cobrada uma multa de R$ 1.763,10. LEIA MAIS AQUI 

NO ESTADO  

A nova lei determina que nestes estabelecimentos os canudos utilizados sejam confeccionados em papel reciclado, material comestível ou biodegradável. Em caso de descumprimento, o local poderá ser multado em 20 a 200 UFESPs (unidade fiscal utilizada como base para tributos estaduais, municipais e contratos fechados com empresas privadas), que atualmente corresponde a R$ 26,53. A fiscalização será definida por meio da regulamentação e os valores arrecadados com as multas destinados a programas ambientais.  

"O objetivo desta lei não é punir, mas sensibilizar as pessoas acerca da responsabilidade com o meio ambiente", comenta o secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido.  

A justificativa do PL demonstra que se cada brasileiro usar um canudo por dia, em um ano serão consumidos 75 bilhões de unidades. Também discorre sobre a morte de animais provocada pela ingestão de plástico, a tendência de países desenvolvidos buscarem alternativas sustentáveis, além da oportunidade de escalar e reduzir custos na confecção de canudos de aço ou metal.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso. Para mais informações, consulte nosso TERMO DE USO"

Facebook

Mais do ACidade ON