Aguarde...

Política

Parlamento Jovem quer atrair mulheres à política

Na 1ª reunião do Parlamento Jovem, foram aprovados PLs que cria programa para apoiar garotas que se interessem por política e programa de prevenção a suicídio

| ACidadeON Campinas

Do total, cinco projetos foram aprovados, dois rejeitados e um adiado (Foto: Divulgação/Câmara) 

O Parlamento Jovem realizou a primeira reunião desta 4ª edição do Parlamento Jovem e analisaram oito propostas apresentadas pelos estudantes-vereadores. Do total, cinco projetos foram aprovados, dois rejeitados e um adiado.

Entre os PLs que receberam aprovação esta o da jovem vereadora Isabela Dalpoz Pereira, que cria um programa de protagonismo feminino cujo objetivo é dar apoio a garotas que se interessam por áreas profissionais políticas ou que envolvam ciências exatas.

Também foi aprovada proposta da jovem vereadora Kemilly Nunes que cria o Programa Municipal de Prevenção do Suicídio entre adolescentes. Vale lembrar que os projetos de lei dos estudantes-vereadores, diferentemente dos parlamentares efetivamente eleitos para ocupar as 33 cadeiras da Câmara, não tem nenhum efeito de lei.

Contudo, um vereador pode se inspirar em uma destas propostas para apresentar um projeto de lei real neste caso, é dado crédito ao aluno que fez a proposta.

A próxima reunião do PJ está marcada às 14h da próxima terça (29) no Plenário da Câmara.

Mais do ACidade ON